Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

APPLE É CAPAZ DE BLOQUEAR SERVIÇO DE NOTIFICAÇÕES PUSH NOS IPHONES DESBLOQUEADOS

14/07/2009

Isso é algo que já podia ser previsto desde quando o serviço foi apresentado pela Apple na WWDC ?08, mas só agora ganhou atenção técnica: a desenvolvedora checoslovaca PoweryBase publicou uma nota em seu blog e também na sua página de imprensa tratando de uma falha no recebimento de notificações instantâneas (push) em iPhones desbloqueados, bem como em iPods touch com jailbreak. Basicamente, ela diz que a Apple é capaz de bloquear o recurso nesses aparelhos.

O caso é interessante porque a desenvolvedora criou um aplicativo bastante útil, o NotifyMe, disponível em uma versão paga (US$4) e outra gratuita. Obviamente ele está fazendo sucesso, e é claro que uma parte dos seus usuários (mais especificamente, 5% deles) o utiliza aparelhos jailbroken, respondendo por 80% dos chamados de suporte recebidos pela sua desenvolvedora diariamente. No entanto, trata-se de casos que não têm solução a cargo do desenvolvedor, estando relacionados com o funcionamento do próprio serviço, por parte da Apple.

Para determinar se um aplicativo é capaz de receber notificações externas em qualquer aparelho, ele deve pedir que o serviço da Apple lhe envie um identificador conhecido como device token, que registra cada aparelho junto a ele. O token é dinâmico, ou seja, é renovado a cada inicialização do aplicativo, e é graças a ele que o serviço de notificações sabe qual aparelho é o seu.

No caso de um que esteja desbloqueado ou jailbroken, esse registro não consegue ser completado, então o software não recebe o tal token e não é capaz de requisitar notificações de nenhum servidor. Contudo, um dos redatores do Gizmodo, que está na Espanha, relata que é capaz de usar o serviço no seu iPhone desbloqueado, porém dentro da rede da Movistar, operadora oficial da Apple no país. Talvez seja isso que está interferindo no caso, mas a Apple ainda não comentou nada sobre o assunto.

Por ora, o iPhone Dev Team afirma estar trabalhando no caso. Uma solução temporária para isso até já está disponível para download, mas não é considerada capaz de contornar esse bloqueio completamente.
 
 
 
Fonte: MacMagazine

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar