Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

APPLE PODE ESTAR CONSIDERANDO ABANDONAR DE VEZ AS SOLUÇÕES DA NVIDIA

02/07/2009

Para o público geral, as GPUs GeForce e Quadro, que dominam as soluções de hardwares gráficos para Macs, estão rendendo bons resultados para a Apple ? e de fato estão. No entanto, a situação das duas nos bastidores aparenta estar, aos poucos, indo para o ralo (figurativamente). Quem sugere isso são fontes ligadas ao SemiAccurate, afirmando piamente que a Apple ?mostrou a porta da rua? para a NVIDIA.

NVIDIA, Apple e Intel

Aparentemente, a firma de Cupertino vê as propostas para a renovação da parceria como ?arrogantes?, julgando que muito se falou nos últimos meses sobre a qualidade das soluções gráficas que a NVIDIA produziu de forma a serem suscetíveis a falhas, depois de algum tempo de uso. Isso forçou a Apple a estender a garantia de seus portáteis fabricados até setembro do ano passado, e ainda a fez engolir os resultados negativos de investigações que comprovaram com clareza falhas no processo de produção das GPUs fornecidas atualmente para seus produtos. Ademais, fez com que NVIDIA fosse processada pela sua própria seguradora.

Tal quebra de contrato em duas empresas, se concretizada, levaria à completa eliminação dos componentes da NVIDIA de futuros Macs. Mas há mais causas para esse suposto rompimento: ele deve ser a suposta saída da Apple para a briga judicial na qual a NVIDIA e Intel se meteram, em que a fabricante de processadores exige um design próprio para a futura geração dos seus produtos.

Com exceção do Mac Pro, toda a linha de computadores da Apple possui a GeForce 9400M instalada para prover gráficos integrados. Com isso, um design de controlador de memória da NVIDIA é necessário para prover os gráficos integrados desse chip, mas com a constante evolução do processo de fabricação dos processadores da Intel, os Macs que usufruem disso terão que abandonar a arquitetura Core 2. Fazendo isso, perdem-se todas as vantagens de uso da 9400M, já que ela não é permitida na futura plataforma de processadores capaz de entrar nos Macs futuramente.

Assim, sem nenhuma chance de a NVIDIA acertar sua situação com a Intel, a Apple estaria escolhendo a parceria que mais lhe convém para continuar seus negócios. Não caracterizo isso como algo ruim para Maçã: depender de GeForce pra lá e pra cá a fez estacionar um pouco na oferta de computadores mais agressivos ? estamos em 2009 e o único computador da empresa que supera a barreira do dual-core é o Mac Pro, justamente por repousar na confiabilidade de uma arquitetura 100% idealizada pela Apple em conjunto com a Intel. Continuar investindo em chips com maior frequência de clock teria que acabar um dia.
 
 
 
Fonte: MacMagazine

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar