Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

SAMSUNG LANÇA NOVO MODELO DE CELULAR SENSÍVEL AO TOQUE

16/06/2009

A Samsung, segunda maior fabricante de celulares do mundo, lançou um novo modelo de aparelho sensível ao toque nesta segunda-feira (15), em um movimento que expressa a vontade de expansão no mercado global, apesar da crise econômica mundial.

"Estamos muito seguros de que teremos um aumento na nossa participação no mercado, não apenas em países desenvolvidos, mas também no mercado emergente", disse o vice-presidente executivo de produtos estratégicos da empresa, Hong Won-pyo.

Divulgação
Novo modelo Samsung Jet é mais rápido e tem nova tecnologia de tela, mas não é smartphone
Novo modelo Samsung Jet é mais rápido e tem nova tecnologia de tela Amoled

A empresa demonstrou o modelo Jet que, além da tela sensível ao toque, integra a geração seguinte da tecnologia Amoled. O aparelho tem processador cujo desempenho é mais rápido para o acesso à internet.

A tecnologia Amoled tem uma matriz orgânica que emite luz por meio de diodo, e faz com que a tela seja extremamente fina --com imagem de melhor qualidade e baixo consumo quando comparadas às telas LCD.

O celular, no entanto, não pode ser considerado como um smartphone, porque ele não funciona a partir de um sistema operacional. Ainda assim, a empresa afirma que ele é "menor do que um smartphone".

A companhia informa que planeja introduzir outra série de produtos no terceiro trimestre, incluindo aparelhos com funcionamento a partir de sistemas operacionais.

"Aparelhos inteligentes, sensíveis ao toque e para recados --são as três áreas majoritárias para as quais nós estamos enveredando. É por isso que estamos crescendo, em contraste com a economia", disse Won-pyo.

As observações do executivo foram feitas em um evento recente para a imprensa, e embargadas até hoje na Europa.

Referindo-se à intenção da Samsung de crescimento para 20% na fatia de mercado neste ano --seu percentual, em 2008, era 18%--, Hong disse que "pessoalmente, estou confiante de que nós alcançaremos nosso objetivo mais cedo".
 
 
 
Fonte: Folha

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar