Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

PRESIDENTE DO EBAY ESTÁ ´CAUTELOSAMENTE OTIMISTA´

15/06/2009

 O presidente-executivo do eBay declarou-se "cautelosamente otimista" sobre a economia e os gastos do consumidor, e estimou que o comércio eletrônico vai dobrar nos próximos cinco anos.

Em entrevista ao Reuters Global Retail Summit, na quinta-feira, John Donahoe estimou que o comércio eletrônico crescerá em ritmo duas a três vezes superior ao do varejo nesse período.

Mas o ambiente econômico incerto, no qual os gastos dos consumidores continuam fracos e os investidores ainda estão nervosos, faz com que o eBay não possa perder tempo demais se preocupando com as flutuações do mercado, disse Donahoe, reconhecendo que as turbulências do mercado poderiam ressurgir.

"Mas o nosso foco, francamente, com uma empresa do nosso tamanho e escala, não pode estar em movimentos de mercado de curto prazo", afirmou Donahoe. "O que precisamos é aproveitar bem a situação e garantir que ganhemos participação."

Parte do desafio é revigorar a divisão de mercados do eBay, que parece estagnada. Nela, os usuários podem comprar ou vender produtos, em leilões ou a preço fixo, realizar buscas em classificados e comprar ingressos para eventos esportivos ou shows.

Um novo foco para o eBay --que controla o serviço de pagamento PayPal e o de telefonia via Internet Skype, que deve ser separado por meio de uma oferta pública inicial de ações-- é o mercado secundário, no qual a companhia espera lucrar com a venda de grandes volumes de mercadorias novas mas fora de temporada.

"Todo mundo está em busca de maneiras de ampliar as vendas agora", acrescentou. "Não temos de oferecer incentivos, todos estão em busca de canais alternativos de distribuição."

O eBay não estava preparado para vender itens em grande quantidade um ano atrás, e os compradores enfrentavam dificuldades para localizá-los no site, mas recentes alterações no formato das listas do serviço resolveram esses problemas, disse Donahoe.

Apesar da sofisticação cada vez maior do comércio eletrônico e das expectativas dos consumidores quanto a sites que ofereçam boa experiência de marca, Donahoe afirmou que uma abordagem mais simples e baseada na barganha entre comprador e vendedor ainda é muito atraente.
 
 
 
Fonte: Uol

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar