Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

MUITO MAIS GENTE JOGARÁ VIDEOGAME NO FUTURO

05/06/2009

As produtoras de videogames, em um raro momento de solidariedade, se reuniram para transmitir otimismo quanto ao futuro de seu setor, que movimenta 30 bilhões de dólares ao ano, apesar da espiral de queda no consumo e de uma desaceleração mundial na economia.

Electronic Arts, Activision e THQ - a Activision foi a única das três a divulgar lucro no último trimestre - esperam se concentrar no desenvolvimento de seus principais títulos, e ao mesmo tempo encontrar maneiras de eliminar custos.
 

Uma recessão de um ano de duração reduziu o crescimento das vendas. O grupo de pesquisa NPD estima que os gastos com videogames nos Estados Unidos caíram 17% em abril. Já que os principais títulos muitas vezes têm produção tão cara quanto a de um filme de Hollywood, as produtoras se veem forçadas a fazer escolhas difíceis.

Depois de uma onda de medidas de contenção de custos no ano passado, entre as quais demissões generalizadas, e de cancelamentos de novos títulos, muitas delas agora estão adotando uma estratégia de desviar recursos para as suas séries mais lucrativas.

"Nosso orçamento líquido de desenvolvimento foi significativamente reduzido este ano, para 120 milhões de dólares... o foco está em apenas alguns de nossos títulos de maior qualidade", disse Brian Farrell, CEO da THQ.

Os executivos percebem vislumbres de esperança em novas audiências e em usuários mais casuais, que permitirão expansão no público preferencial dos videogames para atingir pessoas mais velhas e mulheres.

John Riccitiello, presidente-executivo da Electronic Arts, vê 1 bilhão de usuários de videogames no futuro, ante apenas algumas centenas de milhões hoje em dia.

Um aspecto importante para essa vasta expansão será o desenvolvimento de jogos que atraiam não só os usuários mais dedicados mas também famílias e jogadores casuais, como aconteceu com a imensa aceitação do Nintendo Wii e do Wii Fit, um jogo de exercícios físicos para esse console que se tornou best seller.
 
 
 
Fonte: Folha

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar