Página Inicial
  • Lista de Compras
  • Notícias
  • Humor
  • Cadastro


twitter

Facebook

  Notícia
|

 

AMD REVELA NOVOS CPUS EPYC ZEN 4: 96-CORE 5NM EM 2022, 128-CORE EM 2023

11/10/2021

A AMD apresentou hoje (8) seus novos CPUs Epyc baseados em Zen 4, além das novas placas aceleradoras Instinct, na conferência "Accelerated Data Center". As novas séries de processadores Epyc Genoa e Bergamo terão até 128 núcleos Zen 4 e já vão começar a chegar a partir do ano que vem.

Os processadores AMD Epyc Genoa serão equipados com até 96 núcleos (192 threads) Zen 4 e estão sendo fabricados em 5nm da TSMC. Com estes CPUs, vem uma nova plataforma (SP5) com o socket LGA 6096. Este novo socket vai ser consideravelmente maior com 2002 pinos a mais se comparado com a atual plataforma SP3 e o socket LGA 4094.

Os 96 núcleos núcleos da linha Epyc Genoa serão possíveis por conta dos 12 CCD (Core Complex Die) usados no chip. Cada CCD terá 8 núcleos, totalizando os 96 núcleos Zen 4. Os processadores dessa família terão TDP entre 320W e 400W e suporte a PCIe Gen 5.0. Baseado no tamanho do socket e em o número de CCDs usados, dá para imaginar que o CPU em si deva ser enorme.

Segundo a AMD, os CPUs Epyc Genoa serão 1.25x mais rápidos que a atual terceira geração Epyc Milan. A quarta geração terá suporte a memórias DDR5-5200 e até 12 canais, o que garante suporte até 3 TB de memória RAM com módulos de 128 GB. Este CPUs chegam em 2022.

Já a linha Epyc Bergamo oferecerá até 128 núcleos, confirmando os rumores anteriores sobre as duas próximas linhas de CPUs para servidores da AMD. Os processadores Bergamo também usarão o mesmo socket LGA 6096 e fabricado em 5nm. A maior diferença dessa série é a microarquitetura.

Enquanto que os CPUs Epyc Genoa são baseados em Zen 4, a série Bergamo será baseada em uma versão melhorada da arquitetura, chamada de "Zen 4c". A AMD promete alto desempenho com eficiência energética. A linha Bergamo terá como foco workloads em sistemas para nuvem. Lisa Su não detalhou como irá funcionar a densidade de núcleos nessa série, já que será fabricado no mesmo processo que Genoa e baseado na mesma arquitetura, embora com algumas alterações.

A série Epyc Bergamo também terá suporte a memórias DDR5 e PCIe Gen 5.0 e vai chegar no primeiro semestre de 2023. Então a partir do primeiro semestre do ano que vem, a AMD marca a estreia de seus novos processadores baseados em Zen 4 para servidores.

 

Fonte: Adrenaline

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar