Página Inicial
  • Lista de Compras
  • Notícias
  • Humor
  • Cadastro


twitter

Facebook

  Notícia
|

 

GPUS CHINESAS COM DESEMPENHO DE GTX 1080 E 1050 ESTÃO PRONTAS E ENTRARÃO EM FASE DE TESTES

9/16/2021

Há dois anos atrás, a chinesa Jingjia Micro anunciava sua GPU capaz de rivalizar com a GeForce GTX 1080. Agora a fabricante anunciou que sua nova geração de GPUs JM9 já completou a fase de projetos e irá iniciar os testes.

A série de GPUs JM9 da Jingjia Micro conta com dois chips. A versão de entrada é identificada como "JM9231" e deve oferecer um desempenho próximo da NVIDIA GeForce GTX 1050. Já o chip high-end "JM9271" deve se aproximar do nível de performance da GTX 1080 e AMD Radeon RX Vega 64.

O plano da fabricante chinesa era lançar suas placas de vídeo em 2020 e já que ainda nem iniciou a fase de testes, a produção em massa ainda deve estar longe de acontecer, bem como o início das vendas, que geralmente já começa nos estágios finais da fabricação do hardware.

O chip topo de linha JM9271 terá um pico de desempenho em 8 TFLOPs. A GTX 1080, por outro lado, consegue atingir 8.9 TFLOPs. A placa de vídeo da Jingjia Micro terá suporte a PCIe 4.0 X16, até 16GB HBM oferecendo 512 GB/s de largura de banda, além de 128 GPixels/s que é maior do que os 111 GPixels/s oferecidos pela GTX 1080.

- Continua após a publicidade -

O chip JM9271 irá operar na casa dos 1800 MHz de frequência base e TDP de 200W, contra os 180W da GTX 1080 usada em comparação. Não se sabe qual o processo de fabricação dessa placa. O chip GP104-400-A1 da GTX 1080 foi fabricada em 16nm da TSMC. Em relação a saídas de vídeo, a placa topo de linha irá contar com HDMI 2.0 e DisplayPort 1.3, será compatível com OpenGl 4.5 e OpenCL 2.0, não há menção de DirectX.

 

GPU de empresa Chinesa começa a ser produzida em 7nm e com 37 TFLOPs
GPU de empresa Chinesa começa a ser produzida em 7nm e com 37 TFLOPs

GPU de empresa Chinesa começa a ser produzida em 7nm e com 37 TFLOPs

 

Já o chip de entrada JM9231, com desempenho similar a GTX 1050, terá frequência acima de 1500 GHz, 8GB GDDR5, suporte a PCIe 3.0 x16. Com pico de desempenho em 2 TFLOPs, a GPU terá largura de banda de 256 GB/s e deve ser um pouco mais forte que a GTX 1050, só que consumindo o dobro.

Quando a Jingjia Micro começou o planejamento de suas GPUs, as placas de vídeo de NVIDIA RTX 20 e AMD Radeon RX 5000 já estavam no mercado. Agora com as gerações recentes sendo bem mais fortes que a série GTX 10 da NVIDIA, a GPUs chinesas sairiam mais do que obsoletas. Porém o país tem trabalhado para ser autossuficiente em produção de hardware no últimos anos.

 

Fonte: Adrenaline

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar