Página Inicial
  • Lista de Compras
  • Humor


twitter

Facebook

  Notícia
|

 

APP REMINI FAZ MÁGICA NA RESTAURAÇÃO DE FOTOS ANTIGAS; MAS E A PRIVACIDADE?

6/29/2020

A história se repete, mais uma vez: uma aplicativo incrível, que oferece algum serviço mágico é lançado; as pessoas vão lá, baixam e saem usando/compartilhando o seu resultado. Não, eu não estou falando do FaceApp, mas do aplicativo Remini, que “bombou” no ano passado e voltou a ganhar destaque recentemente.

Diferentemente do FaceApp, que serve apenas para diversão — e para capturar dados, afinal de contas —, o Remini tem um propósito bem mais interessante: restaurar fotos antigas ou de baixa qualidade, usando e abusando de inteligência artificial. E o resultado realmente é incrível, como podemos ver nos exemplos abaixo:

Fábio Yabu@fabioyabu
 

Gente, que absurdo esse Remini, que restaura fotos antigas com IA (tem na App Store). Esse é meu bisavô, Kiyoshi Sato, cujo rosto eu só conhecia por uma foto. 😳

Ver imagem no TwitterVer imagem no Twitter
 

Se você tem apenas uma foto antiga daquele ente querido, ou até uma foto já digitalizada, só que de baixa qualidade, não tem nem o que pensar. É realmente incrível o resultado que o Remini entrega — ainda que ele funcione melhor em fotos com apenas uma ou duas pessoas.

O Gizmodo Brasil, contudo, fez uma boa investigação sobre o aplicativo no ano passado e concluiu que o comportamento dele é bem parecido com o dos demais que capturam nossos dados. Todas as imagens são enviadas para o servidor da empresa (chinesa, diga-se), e nos termos de uso você encontra aquelas informações de sempre, dizendo que a empresa armazena suas imagens em seus bancos de dados, e que eles podem usar tudo da forma que bem entenderem.

A empresa em si responsável pelo app é totalmente desconhecida do público brasileiro — os termos mencionam “wei liu” ou “Remini”; no site do app consta a desenvolvedora BigWinePot, que pertence à Dagong Technology Co.

Por outro lado, como sabemos, esse tipo de “proteção jurídica” está em basicamente qualquer aplicativo — se você parar para ler com calma os termos de uso de redes sociais como Instagram, Facebook, Twitter, Snapchat, TikTok e companhia, você simplesmente desistirá de usar todas elas. Com certeza.

Ou seja, faça bom uso — mas com parcimônia. O app é gratuito para baixar, mas você tem direito a realçar apenas algumas poucas imagens por dia; existem compras internas que variam de R$19 (5 imagens) a R$230 (120 imagens), mas sinceramente não vejo por que alguém compraria tais opções sendo que existe uma ilimitada por R$21. No mais, o app também faz restaurações de vídeos e transforma fotos em desenhos.

 

Fonte: MacMagazine

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar