Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

ASTRONAUTA JAPONÊS PEDE DESCULPAS POR NOTÍCIA FALSA DE QUE CRESCEU 9 CM

10/01/2018

 
 
 A notícia que saiu em vários lugares de que o astronauta japonês Norishige Kanai cresceu 9 cm em apenas três semanas no espaço deu até um fio de esperança para os baixinhos. Porém, ela é falsa.

Tudo começou com um tuíte do próprio astronauta Norishige Kanai em japonês, em que ele fala sobre a mudança brusca de sua altura. Na mensagem, Kanai dizia que estava até com medo de não conseguir caber na cápsula da Soyuz, agendada para voltar à Terra em abril. Se o astronauta fala, a gente tende a acreditar, né?

Após toda a repercussão, que talvez tenha chegado lá no espaço, Kanai desmentiu o ocorrido em um tuíte publicado nesta quarta-feira (10) e afirmou que cresceu apenas 2 cm nas três semanas em que está no espaço.

“Este meu problema de medida parece que se tornou um assunto sério, então peço desculpas por esta terrível notícia falsa. Estou aliviado de que conseguirei entrar normalmente na Soyuz”

O problema da história é que em nenhum momento o astronauta explicou qual foi o erro que ocorreu. Não ficou claro se tudo não passou de uma piada ruim ou se houve algum problema de tradução do japonês para o inglês — o assunto começou a repercutir primeiro em publicações de língua inglesa.

Os 2 cm adicionais na altura de Kanai são comum. Astronautas, em geral, crescem até 5 cm, ou ficam 3% mais altos do que o normal. Isso acontece pois eles ficam em um ambiente sem gravidade, o que permite que a envergadura da coluna vertebral deles aumente.

Crescer é só um dos “sintomas” sofridos pelos astronautsa em um ambiente de microgravidade. É comum que a viagem espacial cause enfraquecimento de músculos e ossos, redução do coração e até a possibilidade de miopia.

Sobre a preocupação de Kanai de não conseguir entrar no veículo da Soyuz, não há motivos para se preocupar. A cadeira da cápsula de reentrada Soyuz comporta pessoas com até 1,90 m. 

Desenho da cápsula de reentrada Soyuz. Crédito: NASA

Quando ele “cresceu” 9 cm, o astronauta disse que tinha ficado com 1,82 m. Como ele só “aumentou” 2 cm, então Kanai deve estar agora com 1,75 m. Portanto, vai dar para voltar tranquilo e ainda vai sobrar espaço na cadeira para curtir a viagem de volta.
 
 
 
Fonte: Gizmodo 

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar