Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

DEPOIS DE BANIR 400 JOGADORES DE DESTINY 2 NO PC, BUNGIE ADMITE QUE HOUVE ERROS

26/10/2017

Depois de um extenso tópico no fórum da Bungie de jogadores do PC relatando banimentos sem motivo em Destiny 2, a Bungie decidiu se pronunciar sobre o assunto e tentou esclarecer melhor como funciona seu "martelo do ban". A empresa, no entanto, admitiu que alguns bans foram realmente feitos por erro e reverteu o status desses jogadores. Os itens abaixo foram postados pelos desenvolvedores no site oficial:

- Destiny 2 não pode lhe banir automaticamente, apenas a Bungie pode banir um jogador depois de uma investigação manual
- Ontem nós banimos aproximadamente 400 jogadores no PC
- Os bans foram feitos em jogadores que estavam usando ferramentas que oferecem uma ameaça ao ecossistema compartilhado do jogo
- Nós não fizemos (e não faremos) bans pelo uso de overlays ou ferramentas de performance, incluindo Discord, Xsplit, OBS, RTSS, etc.
- Mais informações sobre o uso de aplicativos de terceiros podem ser encontradas aqui: https://www.bungie.net/en/Help/Article/46101
- Nós estamos revertendo 4 dos bans que foram feitos durante o Beta no PC

Apesar da lista falar de apenas 4 banimentos revertidos do Beta, o post foi seguido por um update com a seguinte frase, provavelmente falando de parte dos banimentos de ontem, mas sem indicar um número concreto:

"Update: Como parte do nosso processo de revisão dos bans, nós identificamos um grupo de jogadores que foram banidos por erro. Esses jogadores foram desbanidos. Os bans não foram relacionados com os aplicativos de terceiros listados acima. Nós vamos continuar a revisar o processo que usamos para garantir um jogo divertido e justo."

O pronunciamento infelizmente não informa quantos dos 400 jogadores banidos ontem foram vítimas de um erro. Mesmo trazendo este post com esclarecimentos, a Bungie continua fechada quando o assunto é falar de ban. Sua discutível política de não comentar nem responder os jogadores sobre o assunto permanece e pedidos de sites de notícias para falar sobre o assunto estão sendo ignorados até o momento.


 
 
Fonte: Adrenaline

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar