Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

JUSTIÇA NEGA RECURSO DE ROSANA CONTRA WIKIPEDIA E GOOGLE

07/07/2017

Rosana Fiengo tentou de novo, e mais uma vez a Justiça do Rio de Janeiro entendeu que a intérprete de ‘O amor e o poder’ não tem razão em suas queixas contra o Google e a Wikipedia. A cantora recorreu da primeira decisão, na qual já pedia indenização pela divulgação de sua idade e de informações pessoais. 

A 21ª Câmara Cível do TJRJ manteve na íntegra o que determinara a primeira instância, calcada no argumento de que “a divulgação de informações sobre a vida profissional e pessoal da apelante - cantora notoriamente conhecida - não pode ser considerada abusiva, estando justificada pelo interesse público em torno da biografia da apelante”.

Rosana, agora com nome público de Rosanah Fienngo, reclamou da divulgação de informações pessoais, como a idade – a Wikipedia diz que ela nasceu em 1954, a cantora diz que foi em 1968 – ou ainda sobre a perda de um filho durante a gravidez, em 1994. E insistiu na indenização de 150 salários mínimos, hoje mais de R$ 140 mil. 

O alvo, assim, foi o perfil da própria na Wikipedia (e processou também a Google por achar que seria dona da enciclopédia online), que respondeu ter colhido apenas informações públicas, divulgadas em entrevistas da própria cantora de ‘Como uma deusa’. 

A idade estava no TSE (Rosana foi candidata a vereadora do Rio, em 2012, sem sucesso). As outras informações, como relatou a decisão “não são falsas ou ofensivas à privacidade da apelante, sendo certo que foram obtidas através de entrevistas que a própria concedeu a veículos de comunicação”.
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar