Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

VISTO PARA OS EUA VAI EXIGIR HISTÓRICO DA WEB, REDES SOCIAIS E CONTATOS

02/02/2017

O chefe do Departamento de Segurança da Pátria dos Estados Unidos, general John Kelly, defendeu o uso do histórico de navegação na internet e as relações por meio de redes sociais, além dos contatos nos celulares, como informações a serem utilizadas na avaliação de pedidos de visto para os EUA.  

Questionado sobre a política proposta pelo presidente americano Donald Trump, de ‘extreme vetting’, algo como ‘verificação extrema’, o secretário do DHS respondeu que quem pedir visto terá que provar a identidade, possivelmente entregando informações digitais. 

“Deverá certamente ser um registro de que websites visitam. Pode ser as informações de contato no telefone para que possamos ver com quem estão falando, mas isso tudo ainda está em desenvolvimento”, disse o general, conforme relato do site jornalístico americano Talking Point Memo. 

“Esses são o tipo de coisas que estamos avaliando. Redes Sociais. Temos que ser convencidos que as pessoas que vem para cá, há uma expectativa razoável de que não sabemos quem elas são e porque estão vindo para cá e qual seu histórico”, completou. 

A nova política de concessão de vistos foi apresentada por Trump nesta semana e de imediato suspendeu a entrada nos Estados Unidos de pessoas do Iraque, Síria, Irã, Sudão, Líbia, Somália e Iêmen por pelo menos 120 dias. O novo presidente dos EUA diz que a nova política busca impedir a entrada de “extremistas” no país. Não está claro, porém, se a ‘verificação extrema’ vai se limitar a esses países. 

“Neste momento há um número de países no planeta que não tem o tipo de registros, de trabalho policial, esse tipo de coisa, e os sete países em questão caem nessa categoria. Então estamos desenvolvendo o que a verificação adicional, a verificação extrema, se parece, e certamente trabalharemos com os países sobre isso”, disse o secretário do Departamento de Segurança da Pátria.

 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar