Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

HASBRO, MATTEL E OUTRAS DUAS EMPRESAS FAZEM ACORDO DE US$ 835 MIL POR RASTREAR CRIANÇAS ONLINE

14/09/2016

Viacom, Mattel, Hasbro,JumpStart Games aceitaram acordo de US$ 835 mil com a justiça americana devido ao rastreamento indevido da navegação de usuários abaixo dos 13 anos. De acordo com o Children’s Online Privacy Protection Act (COPPA), é ilegal nos Estados Unidos qualquer monitoramento das atividades online de crianças. 

A punição é resultado de uma investigação de dois anos, a "Operation Child Tracker" (em tradução livre, "operação rastreador de criança"), e descobriu que essas empresas não protegiam os dados das crianças de terceiros, disponibilizando essas informações para uso de marqueteiros e empresas de publicidade. Além da multa, as empresas se comprometeram a revisar o monitoramento e uso dos dados dos menores.

Combinadas, essas empresas possuem em seu portfólio nomes de peso no mercado de produtos voltados para crianças, como Nickelodeon (Viacom); Barbie e Hot Wheels (Mattel) e até o My Little Pony (Hasbro).

COPPA foi promulgada em 1998 e regulamenta o rastreamento de pessoas com menos de 13 anos na internet, motivo pelo qual algumas redes sociais recusam a criação de cadastros de quem possui idade inferior a essa. Não há um paralelo no país que trate do monitoramento dos menores de idade, sendo que no Brasil a medida mais notória de controle sobre práticas semelhantes é a resolução 163, editada pelo Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), visando à proibição de qualquer propaganda que seja dirigida a crianças.


 
 
Fonte: Adrenaline

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar