Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

MALWARE DE ANDROID AFETA 10 MILHÕES DE APARELHOS E RENDE US$300 MIL POR MÊS PARA EMPRESA

06/07/2016

A empresa de segurança digital Check Point descobriu um malware chamado Hummingbad, que já afeta mais de 10 milhões de dispositivos Android e gera renda mensal de US$300 mil para o Yingmob, grupo de cibercriminosos chinês que opera legalmente no país como uma companhia de anúncios, que possui até um escritório.

De acordo com a Check Point, o malware descoberto em fevereiro se infiltra no sistema do aparelho, acessa anúncios e baixa aplicativos fraudulentos, o que gera a renda para os criminosos. Com o controle do aparelho, a Yingmob pode vender informações para direcionar anúncios para cada dispositivo.

 Diariamente, o malware instala mais de 50 mil aplicativos fraudulentos, mostra 20 milhões de anúncios para os usuários infectados e gera mais de 2,5 milhões de cliques diários.

Segundo a firma de segurança, o esquema montado pela empresa de anúncios chinesa comprova que os cibercriminosos já possuem tecnologia para se tornarem auto-suficientes financeiramente roubando dados de usuários de smartphones.

"Com este fluxo de dinheiro e uma estrutura organizacional focada, os criminosos podem facilmente serem auto-suficientes financeiramente"

Em documentos vazados pela Check Point, é possível ver o crescimento dos lucros da Yingmob de acordo com o aumento do número de dispositivos infectados pelo malware. Além disso, a firma de segurança aponta os 20 países mais afetados pelo Hummingbad. O Brasil aparece na lista com mais de 360 mil dispositivos infectados.

Apesar do diagnóstico aprofundado, uma cura direcionada para o malware feito pelo grupo de cibercriminosos organizado ainda não está disponível. Mais informações sobre o Hummingbad e seu funcionamento estão disponíveis no relatório da Check Point.

 
 
 
Fonte: Adrenaline

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar