Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

PROPOSTA DE LIGAR DUAS CIDADES VIA HYPERLOOP FARIA VIAGEM DE 500 KM DURAR 28 MINUTOS

06/07/2016

Tubo para o sistema de propulsão do hyperloop (John Locher/AP)
 

O Hyperloop pode ser o futuro do transporte público, levando carga e pessoas por tubos de aço em altas velocidades. Uma proposta quer usar esta ideia para resolver um desafio que perdura por séculos: ligar as nações vizinhas da Suécia e Finlândia.

O primeiro estudo de viabilidade em larga escala quer ligar as cidades de Estocolmo e Helsinque via Hyperloop. Ele foi divulgado pela Hyperloop One, startup que realizou recentemente a primeira demonstração em plena escala da tecnologia.

Para viajar entre as duas capitais, que estão a cerca de 480 km de distância, o jeito é ir de avião, o que demora cerca de 3h30 – uma hora de voo mais o tempo para chegar ao aeroporto e passar por todos os procedimentos. Há também uma barca noturna entre as cidades; a viagem dura 17h30.

Enquanto isso, o Hyperloop promete um trajeto de apenas 28 minutos – e ele pode levar carga, não só pessoas.

hyperloop baltico (2)

Ligar a Suécia à Finlândia é um teste perfeito para mostrar as capacidades do Hyperloop, porque não há trens de alta velocidade entre as duas capitais: no momento, a única maneira viável para reduzir o tempo de viagem é usando uma barca mais rápida ou um avião mais rápido.

Trabalhando com duas empresas do Báltico – FS Links e KPMG – a Hyperloop One mostra no estudo por que ligar as duas regiões seria financeiramente desejável:

O valor do tempo economizado pela rede seria de espantosos 321 milhões de euros por ano. A receita para o sistema completo é estimada em 1 bilhão de euros por ano com um lucro operacional de 800 milhões de euros, com base em uma previsão de 43 milhões de viagens de passageiros por ano.

Os tubos seriam instalados em valas ao longo do fundo do Mar Báltico, exigindo pouco tunelamento, o que – segundo a Hyperloop One – irá manter os custos relativamente baixos, em 19 bilhões de euros.

hyperloop baltico (1)
Helsinque e Estocolmo seriam ligadas por uma combinação de tubos que viajam por terra e outros passando pelo fundo do Mar Báltico

Existe um forte impacto econômico ao construir soluções melhores de transporte que podem encurtar o tempo de viagem entre cidades, ou unir muitas cidades em uma megarregião, como o que a China está fazendo em torno de Pequim.

Isso também está acontecendo em outras partes do Báltico para superar inconveniências geográficas: é pela mesma razão que a Suécia e a Dinamarca estão trabalhando para conectar Malmo e Copenhagen em uma megarregião chamada Øresund através de projetos de infraestrutura igualmente ambiciosos.

 
 
 
Fonte: Gizmodo

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar