Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

OI E TELEFÔNICA SOFREM COM AS DESATIVAÇÕES DE LINHAS FIXAS

20/05/2016

Oi e Telefônica seguem sendo as operadoras que mais perdem linhas telefônicas fixas ativas no país. Os dados são da Anatel, divulgados nesta quinta-feira, 19/05.

Segundo o relatório da agência, relativo ao mês de março, houve um encolhimento de 0,4% em relação a fevereiro deste ano, e de 4,01% em relação a março de 2015, quando havia 43,16 milhões de linhas ativadas. No total, o país fechou o terceiro mês de 2016 com 43,16 milhões de linhas de telefonia fixa.

As concessionárias detém a maior parte das linhas ativas com 25,09 milhões de linhas, 0,65 a menos que o mês anterior, e 6,47% menos que em março de 2015. Já as autorizadas somavam 18,07 milhões de linhas, 0,26 a menos que em fevereiro e 0,37 a menos que um ano antes.

A Oi terminou março com base 7,9% menor, ou 14,7 milhões de linhas fixas em funcionamento. A Telefônica, por sua vez, encerrou o mês com 9,5 milhões, 4,87% menos sobre o mesmo mês de 2015.

O mercado também não trouxe bons resultados para a Telecom Americas (NET) com o Net Phone, uma vez que a empresa perdeu 2,59% da base fixa no período, ficando com 11,42 milhões de acessos. A Telecom Italia, TIM, adicionou 9,84% de sua base em um ano. Terminou março com 609 mil linhas fixas.  Os orelhões fecharam março com 857.214 mil ativos, em fevereiro eram 867.161 mil.

 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar