Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

VENDA DE IMPRESSORAS NO BRASIL DESPENCA 22,8% EM 2015

30/03/2016

Mais uma vez a venda de impressoras caiu no Brasil. Segundo a consultoria IDC, em 2015 foram vendidas 2,5 milhões de máquinas, o que representa uma redução de 22,8% em relação ao volume comercializado em 2014 – ano que também terminou em queda, de 12%. E as projeções são de que essa tendência vai continuar.

O resultado do ano passado significou a venda de 800 mil unidades a menos do que em 2014, quando foram vendidas 3,3 milhões. Em receitas, as vendas de 2015 geraram US$ 676 milhões, declínio de 14,7% em relação a 2014. Naquele ano, as receitas também caíram em relação ao período anterior (18,4%).

Segundo a IDC, a retração atingiu tanto a tecnologia jato de tinta – que vendeu 1,9 milhão de impressoras no último ano, baixa de 21,1% comparado a 2014 –, como a tecnologia laser, que comercializou 641,6 mil aparelhos em 2015, diminuição de 27,4%. As receitas em ambos os casos também recuaram, 12% e 19,6% respectivamente. 

“Apesar da grande maioria das vendas ter sido atribuída aos equipamentos da tecnologia jato de tinta, as máquinas laser foram responsáveis pela movimentação de quase o dobro de receita, por conta da diversificação, do portfólio e da efetiva participação do mercado corporativo, que se manteve estável e representa aproximadamente 41% da demanda de comercialização de equipamentos de impressão no Brasil”, sustenta análise da IDC Brasil.

Para 2016, a IDC Brasil estima uma queda de 15% no mercado total de impressão, e vendas aproximadas de 1,6 milhão de modelos jato de tinta (queda de 16,4%) e 568 mil de lasers (queda de 11,5%).
 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar