Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

DUELO DE GIGANTES: VEJA O COMPARATIVO ENTRE IPHONE 6S PLUS E GALAXY NOTE 5

17/02/2016


Tela grande: você ama ou odeia? Parece que muita gente não consegue ficar no meio termo, e ou adora os smartphones gigantes, ou não suporta a ideia de algo que não encaixe tão bem no bolso. O fato é que, gostando ou não, eles são uma tendência. Na Ásia, especificamente, eles são uma realidade, e esta preferência está rapidamente se espalhando pelo globo.

Um exemplo disso é a Apple. Avessa a aumentar a tela do iPhone por tantos anos, viu a oportunidade de criar o iPhone 6 Plus, e agora o 6s Plus, que rapidamente caíram no gosto do público.

No entanto, você não pode falar de tela grande sem citar a Samsung. A empresa mantém a linha Galaxy Note desde 2011, e o aparelho sempre foi notável por trazer o que a coreana tinha de melhor em tecnologia móvel. O Galaxy Note 5 não é diferente.

Mas qual destes gigantes é o mais interessante? Vamos descobri já.

Desempenho

Reprodução 

Nós temos batido nesta tecla repetidamente: é muito difícil comparar sistemas diferentes, com base em componentes diferentes com arquiteturas diferentes. Por isso, não é possível dizer “este é dual-core e é inferior a este octa-core” olhando apenas uma lista de especificações.

Por este motivo, recorrer a testes de desempenho, os famosos benchmarks, é importante. Eles tentam estabelecer um comparativo justo, observando o resultado dos aparelhos nos testes e oferecendo uma pontuação. Basta comparar a pontuação para termos um resultado mais próximo da realidade.

 Neste quesito, o teste mais popular é o AnTuTu, que avalia vários critérios de desempenho e dá uma pontuação ao final. Para tristeza dos fãs do Android e da Samsung, o teste classifica o iPhone 6s Plus como o aparelho mais rápido do ano passado, com pontuação de mais de 130 mil. O Galaxy Note 5 é um dos aparelhos mais parrudos, mas ainda não faz frente à pontuação do iPhone, atingindo no máximo cerca de 66 mil pontos.

A vitória é do iPhone 6s Plus, mesmo tendo apenas metade da memória RAM do Note 5.

Câmera
Reprodução 

O Galaxy Note 5 e o iPhone 6s Plus tem algumas das melhores câmeras do ano passado, tornando a disputa interessante, mas ainda assim é favorável à Samsung, como aponta o ranking da DxOMark, a principal referência em câmeras no mundo. Os aparelhos do ano passado da empresa, que usam todos os mesmos sensores e softwares, figuram no topo da lista.

A Samsung traz um sensor traseiro de 16 megapixels com abertura de f/1.9 na câmera traseira, que favorece a fotografia em ambiente com iluminação ruim e permite o registro mais veloz de imagens, com estabilização óptica de imagem e câmera frontal de 5 megapixels. Enquanto isso, a Apple conta com uma câmera traseira de 12 megapixels com uma abertura f/2.2; a câmera frontal também era de 5 megapixels. Uma diferença em comparação com o iPhone 6s, é que o Plus tem estabilização óptica, que permite fotos e vídeos melhores em movimento, suavizando o famoso efeito da mão que treme.

Quando falamos em vídeo, os dois aparelhos se aproximam bastante, já que ambos são capazes de registrar imagens em 4K. Mesmo assim, a vitória é do Galaxy Note 5.

Software

 Reprodução

Entendemos que haja um empate entre Android e iOS, e quem usa um dificilmente gosta do outro. No entanto, a TouchWiz não é o Android, e ela é, sim, inferior ao equilíbrio que o iOS tem nas plataformas da Apple.

É importante observar que a Samsung tem melhorado em software, mas ainda não está em pé de igualdade. O Note 5 tem algumas peculiaridades boas, as principais referentes à caneta S-Pen, que é incrivelmente responsiva e ótima de usar. No entanto, a TouchWiz ainda é notavelmente conhecida por ser mais pesada, propensa a travamentos e por ser mais confusa e poluída do que a versão limpa do sistema, idealizada pelo Google.

A competição com o iOS fica desbalanceada. O software da Apple pode ter suas restrições em comparação com a liberdade que o Android proporciona, mas ainda assim é um sistema redondo, otimizado para o hardware que o sustenta, possibilitando um excelente desempenho. O iPhone 6s Plus ainda tem o recurso do 3D Touch, que faz diferença em usabilidade e deve se popularizar conforme os desenvolvedores adotarem a ideia em seus apps.

O iPhone 6s Plus é vencedor.

Tela

Reprodução 

É a especialidade da Samsung, e é também a vez de a Apple ficar para trás. O iPhone 6s Plus é muito bom com sua tela Full HD (1920x1080) de 5,5 polegadas, e reproduz cores com bastante fidelidade. Em resumo, é excelente olhar para a tela do iPhone.

O problema é que poucas empresas no mundo fazem telas como a Samsung, e a empresa aproveita o momento de lançamento de seus smartphones para propagandear também do que é capaz na área de displays. Isso se reflete no painel de 5,7 polegadas com resolução 2K (2560x1440). Além disso, o fato de usar o AMOLED, que é mais econômico e reproduz a cor preta melhor do que o LCD do iPhone.

Como sempre, é possível questionar-se se tantos pixels em um painel tão pequeno quanto o de um celular realmente faz a diferença. Contudo, apesar da discussão se precisamos ou não de tantos pixels, o fato é que mais deles ainda é melhor, e favorece também o uso como dispositivo de realidade virtual com um Cardboard ou Gear VR.

Vitória, portanto, do Galaxy Note 5.

Preço

Para tristeza dos fãs da Apple, esta é uma categoria que não tem discussão. O Note 5 pode ter sido lançado pelo valor de R$ 3,8 mil, mas já é possível encontra-lo na faixa entre R$ 2,6 mil e R$ 3 mil. Enquanto isso, o iPhone 6s Plus não vai reduzir seu preço até que a próxima versão seja lançada. Por enquanto, ele não é encontrado por menos de R$ 3,8 mil na versão de 16 GB (que ninguém deveria ter).

Vale observar, no entanto, que a diferença se anula se, por um acaso, a pessoa tiver a oportunidade de comprar um smartphone no exterior. Nos Estados Unidos, por exemplo, os dois têm basicamente o mesmo preço.

No entanto, como somos um site brasileiro, e a maior parte de vocês, leitores, também são daqui, a vantagem é do Galaxy Note 5.

Conclusão

Como sempre dizemos nestes comparativos, nós levamos em consideração o critério técnico para dar o parecer final. Se consideramos os aparelhos empatados, aí olhamos para o preço para comparar custo-benefício.

Aí, infelizmente, não dá para o iPhone. A política de preços da Apple faz com que o aparelho não desvalorize ao longo do ano, como acontece com seus competidores. O Note 5 pode ter sido lançado a um preço próximo do iPhone 6s Plus, mas seu custo já caiu demais em várias lojas, tornando-o uma opção de qualidade e muito mais acessível.

Assim, a vitória é do Galaxy Note 5.
 
 
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar