Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

NOVAS FOTOS MOSTRANDO O GALAXY S7 E O S7 EDGE APARECEM NA INTERNET

10/02/2016

Faltam menos de duas semanas para a apresentação do Galaxy S7, e, as fotos não-oficiais do aparelho já começam a aparecer por toda parte. Depois das imagens de divulgação pipocarem online, foi a vez fotos reais dos aparelhos sendo manuseados. As imagens são convincentes e condizem com o primeiro vazamento.

As fotos do S7 e do S7 Edge mostram bastante similaridades com os modelos do ano passado, com a diferença de que o S7 parece ter a traseira curvada de vidro do Galaxy Note 5. A curvatura facilita bastante a pegada do aparelho, em contraponto à traseira chapada de aparelhos como o S6 Edge Plus. A imagem também mostra um aparelho da cor preta, enquanto o S6 estava disponível, no máximo, em azul escuro.

Um detalhe interessante é que a “lombada” extra da câmera, que se tornou uma marca da Samsung nos últimos anos, está menos proeminente do que nos últimos anos. Espera-se que isso não cause uma queda na qualidade da câmera, já que a linha S6 tinha uma das melhores câmeras de celular do mercado, se não for a melhor.

Em 2016, a Samsung, parece ter ouvido os comentários dos usuários ao longo do último ano, reclamando principalmente da ausência do slot para cartão microSD. Os rumores indicam que ele deve voltar, com espaço para cartões de até 200 GB. A bateria não deve ser removível, mas deve ser significantemente maior do que os modelos S6: 3000 mAh para o S7 e 3.600 mAh para o S7 Edge (contra 2.550 mAh e 2.600 mAh do ano passado).

A câmera traseira deve ser “rebaixada” de 16 megapixels para apenas 12 megapixels, o que não deve fazer muita diferença, já que os megapixels influem muito pouco na qualidade da foto. Já a abertura da lente deve aumentar para f/1.7, o que deve fazer bastante diferença em situações de pouca luminosidade. Já a lente frontal não deve ter mudança.

Internamente, os aparelhos devem contar com 4 GB de memória RAM e um processador da própria Samsung, o Exynos 8 Octa 8890, de oito núcleos (quatro de alto desempenho a 2,3 GHz e quatro voltados à economia de energia, a 1,6 GHz). No entanto, é possível que a empresa recorra a diferentes chips em diferentes regiões, permitindo que alguns locais recebam uma versão com um processador Snapdragon 820 em vez do Exynos.


 
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar