Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

HACKER DIZ QUE PIRATEAR GAMES SE TORNARÁ IMPOSSÍVEL EM DOIS ANOS

07/01/2016

Até alguns anos atrás, fazer uma cópia pirata de um jogo para PC ou consoles não era um trabalho tão difícil. Diversos títulos chegavam antes ao mercado pirata e aos sites de torrent do que às lojas oficiais. Uma hacker conhecida como Bird Sister, responsável por romper a proteção de muitos desses games, no entanto, acredita que esse cenário está com os dias contados.

Em um post no fórum de discussão 3DM, a hacker afirmou que, dentro de dois anos, piratear um game - ao contrário de filmes e músicas - se tornará uma tarefa impossível. A preocupação de Bird Sister é motivada por Just Cause 3, um jogo lançado no início de dezembro e que, até agora, não teve sua proteção violada.

Tanto para PC quanto para consoles, Just Cause 3 usa um sistema de proteção chamado Denuvo, criado pela empresa de segurança Denuvo Software Solutions. Embora a companhia não revele seus segredos, o que se sabe é que o sistema cria uma segunda camada de encriptação que impede a cópia dos arquivos dentro da mídia (DVD ou Blu-ray).

O mesmo Denuvo foi o responsável por proteger por quase um mês o conteúdo do jogo Dragon Age: Inquisition, lançado em 2014. Já o simulador de futebol FIFA 16, embora tenha sido pirateado (de forma instável) para o Xbox 360, ainda não foi hackeado em outras plataformas.

No fórum 3DM, Bird Sister disse que ela e sua equipe continuam trabalhando em um crack para Just Cause 3, mesmo após terem "quase desistido". "Eu ainda acredito que esse game pode ser corrompido, mas de acordo com as tendências atuais no desenvolvimento de tecnologia de criptografia, dentro de dois anos, eu acredito, não haverá mais games grátis para se jogar no mundo", postou a hacker.

 
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar