Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

CONHEÇA OS SUPERCOMPUTADORES MAIS RÁPIDOS DO MUNDO

19/11/2015


A China está se tornando, aos poucos, a maior potência do mundo quando o assunto são os supercomputadores. É o que indica o novo ranking semestral Top500, que lista os computadores mais poderosos do mundo. No topo da lista, pela sexta edição consecutiva, está o Tianhe-2, do centro nacional de supercomputadores de Guangzhou.

A máquina chegou a um máximo de 33.863 teraflops, ou o equivalente a quase 34 quatrilhões de operações por segundo. O limite teórico para a máquina, no entanto, é de 54.902 teraflops. Para comparação, o segundo colocado, o Titan, dos Estados Unidos, chega apenas a um máximo de 17.950 teraflops, com um limite teórico de 27.113 teraflops.

Mas a liderança por si só não mostra o potencial da China. Isso porque não é só um computador no top 500. Na verdade, o número de sistemas chineses na lista triplicou nesta última edição do ranking em comparação com a última versão. Agora, já são 109 supercomputadores chineses entre os 500 mais rápidos do mundo.

Apesar do crescimento chinês, os Estados Unidos ainda são a maior potência. No entanto, no atual ritmo de crescimento da China, não deve demorar muito para que os americanos sejam ultrapassados. Atualmente, são 200 sistemas dos EUA no ranking, enquanto a lista de julho mostrava 231. É a menor marca desde 1993, quando a lista começou.



Reprodução 

Brasil

“Mas e o Brasil?”, você pode estar se perguntando. Sim, o Brasil tem representantes nessa lista. O mais bem colocado no ranking aparece na 200ª colocação. Trata-se do Santos Dumont GPU, um supercomputador do Laboratório Nacional de Computação Científica, no Rio de Janeiro, que chega à velocidade máxima de 456,8 teraflops, com um limite teórico de 657,5 teraflops.

Na verdade, o Santos Dumont GPU é parte de um complexo que recebe o nome de Santos Dumont. Outros dois sistemas compõem o cluster, e todos eles figuram no ranking. Os outros dois são o Santos Dumont Hybrid (265º) e o Santos Dumont CPU (310º).

Na 251ª posição está o Cimatec Yemoja, do Senai, que alcança velocidades de 405,4 teraflops, com um pico teórico de 412,8 teraflops.

Fechando a lista de brasileiros, aparece o Grifo04, da Petrobras. O sistema alcance a velocidade máxima de 251,5 teraflops, com um limite teórico de 563,4 teraflops.
 
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar