Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

NOVO PROCESSADOR MÓVEL DA HUAWEI É TÃO RÁPIDO QUE PODE PREOCUPAR A CONCORRÊNCIA

06/11/2015

A fabricante chinesa de smartphones Huawei está lentamente se tornando grande no ocidente, e seu mais recente chipset – o Kirin 950 – pode deixar a concorrência um pouco preocupada.

Trata-se de um chip octa-core: são quatro núcleos rápidos Cortex-A72, e quatro núcleos Cortex-A53 de potência inferior. O processamento gráfico fica a cargo do chip Mali-T880 top de linha. A Huawei diz que ele renderiza a interface constantemente a 60fps, aumentando a fluidez.

O Kirin 950 atingiu uma pontuação de 82.945 no benchmark AnTuTu. Para colocar isso em perspectiva, o Nvidia Tegra X1 – até então o processador móvel mais rápido no mercado – tem pontuação 74.977. O Qualcomm Snapdragon 820 talvez chegue a valores ainda maiores (um benchmark não-confirmado tem pontuação 83.774), mas isso mostra do que a Huawei é capaz.

A Huawei diz que o desempenho aumentou 40% em relação ao modelo anterior (Kirin 930), enquanto o consumo de energia caiu 60%, graças ao processo de fabricação de 16 nanômetros. Isso significa que ele durará dez horas adicionais em uso “normal” num dispositivo com bateria de 3.500 mAh. A promessa de autonomia total é de dois dias.

Kirin-950-specs

Há também um conjunto de sensores que promete ser 90% mais eficiente em consumo de energia. O coprocessador i5 (não tem nada a ver com o Intel Core i5) inclui barômetro, giroscópio, bússola e acelerômetro, fica sempre ativo e seu uso de energia diminuiu de 90 mA para 6,5 mA.

O Kirin 950 tem suporte a processador duplo de imagem, permitindo que o smartphone tenha duas câmeras de 13 megapixels ou um único sensor de 31 megapixels. Enquanto isso, o DSP (processador de sinal digital) integrado possui tecnologia de reconhecimento facial rápido que detecta até 35 rostos em uma imagem.

O chipset chegará ao mercado no Huawei Mate 8, previsto para lançamento em 26 de novembro. Claro, o sucesso de um smartphone é determinado por mais do que apenas o seu processador, mas isso pelo menos dá à concorrência algo para pensar.

Na China, a Huawei está em uma disputa com a Xiaomi pelo primeiro lugar em vendas de smartphones. Segundo alguns relatos, ela é a segunda maior marca Android na Europa. E ela conseguiu uma notável parceria com o Google para fabricar o sensacional Nexus 6P.

 
 
 
Fonte: Gizmodo

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar