Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

GOVERNO CEDE À PRESSÃO E SUSPENDE OBRIGAÇÃO DO USO DE CHIP NOS CARROS

23/10/2015

O governo federal decidiu suspender a exigência de que os veículospassem a sair de fábrica com um chip que funcionaria como rastreador ebloqueador. O equipamento se tornaria obrigatório a partir de maio de2016. No entanto, por ser considerado um risco à privacidade, esseprojeto acabou barrado na Justiça. A resolução do Contran (ConselhoNacional de Trânsito) que suspende o cronograma obrigatório do Simrav(Sistema Integrado de Monitoramento e Registro Automático de Veículos)foi publicada nesta terça-feira, 20/10, no Diário Oficial da União.

OSimrav difere do Sistema Nacional de Identificação de Veículos(Siniav), que também exige a instalação de chips em carros, motos ecaminhões, mas não apenas em veículos novos. O último sistema nãoutiliza GPS. Nesse caso, o governo tenta emplacar a instalação de chipsdesde 2006. O Siniav já passou por mudanças e a implantação foiprorrogada por diversas vezes. A última de 30 de junho deste ano para 1ºde janeiro de 2016. Não houve alteração dessa prazo na medida publicadano DOU.

A justificativa para a instalação dos chips é quepermitem prevenir furtos/roubos e ter um maior controle da frota. Osveículos seriam identificados por radiofrequência, por meio do chip,antenas leitoras, centrais de processamento e sistemas informatizados demonitoramento. A ideia é que leitores instalados em pontos estratégicosidentifiquem o veículo automaticamente. As informações armazenadas nochip, como a placa e taxas pendentes, seriam transmitidas a centrais deprocessamento, o que facilitaria a fiscalização de veículos irregulares.O chip também pode ser usado na gestão do tráfego e para pagamento depedágio eletrônico. Mas há uma resistência dos DETRANs. Eles não querem amedida e não estão cumprindo os prazos estabelecidos pelo ConselhoNacional de Trânsito.
 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar