Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

NOVO VÍDEO DO TELESCÓPIO ESPACIAL HUBBLE MOSTRA JÚPITER EM 4K

19/10/2015

jupiter-dest-2
 

Usando dados obtidos pelo Telescópio Espacial Hubble, cientistas da NASA atualizaram os seus mapas de Júpiter. As novas imagens – agora em 4K – revelam as mudanças no Grande Ponto Vermelho e um fenômeno raro que não era visto desde a missão Voyager 2.

jupiter-1

A NASA atualiza seus mapas de Júpiter todos os anos. E a atualização desse ano foi especialmente fascinante.

Os dois novos mapas foram capturados pela Wide Field Camera 3 do Hubble e analisados por cientistas planetários do Centro de Voos Espaciais Goddard da NASA. Os mapas, que mostram as rotações do planeta, possibilitam o estudo de diversos elementos, incluindo ventos, tempestades, nuvens e a química atmosférica.

jupiter-2

O Grande Ponto Vermelho visto de perto revela um filamento único nunca antes visto. Imagem: NASA/ESA/Goddard/UCBerkeley/JPL-Caltech/STScI

Análises do Grande Ponto Vermelho mostram que ele está ficando menor e mais circular. O ponto, que agora é mais laranja do que vermelho, mede 250km ao longo do seu eixo. Os cientistas da NASA perceberam um filamento fino incomum dentro do local, que nunca foi visto antes. Esse filamento está sendo carregado de um lado para o outro por ventos que passam de velocidades de 150 m/s.

jupiter-3

Aqui vamos ciclones (as setas) e as ondas elusivas (linhas verticais). Imagem: NASA/ESA/Goddard/UCBerkeley/JPL-Caltech/STScI

Os cientistas também perceberam uma onda rara a norte do equador do planeta. O fenômeno foi inicialmente detectado pela aeronave Voyager 2 durante o seu voo histórico em 1979, mas desde então não foi mais visto. A onda está em uma área repleta de ciclones e anticiclones. Ondas parecidas, chamadas baroclínicas, são vistas na atmosfera da Terra quando ciclones estão em formação.
 
 
 
Fonte: Gizmodo

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar