Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

USUÁRIOS DO POPCORN TIME ESTÃO RECEBENDO CARTAS EM SUAS CASAS QUE COBRAM US$320 POR VER UM FILME

28/09/2015

 

Alguns usuários escandinavos do popular de serviço de streaming de filmes e Popcorn Time estão tendo problemas depois de baixar a produção de Michael Douglas: "Amor de Vizinha". Agora, todos na Escandinávia que assistiram ao filme estão recebendo cartas em suas casas que contém uma exigência: US$320 por baixarem o filme de Michael Douglas.

Com milhões de usuários em diversos países, não é a primeira vez que o "Netflix pirata" é foco de Hollywood. Há um tempo atrás, o estúdio Voltage Pictures já fez alglo parecido com usuários que assistiram ao filme "Clube de Compras Dallas".


Isso acontece através de um software que pode identificar os dados do usuário que acessou um filme específico, e as cartas estão sendo emitidas pelo departamento de regulamentação Opus Law junto à distribuidora dinamarquesa Scanbox Entertainment. As cartas vêm com um aviso que está cobrando em média US$ 320.

"É claro que nós não começamos o caso com a intenção de acabar em tribunal, mas ao mesmo tempo também é claro que estamos confrontando um caso em que não podemos concordar, então precisaremos ir ao tribunal."
- Opus advogado Niels Hald, advogado da Opus Law

O advogado também justificou que o preço de 320 dólares é razoável, já que "quando você distribui um filme através do Popcorn Time ele chega num círculo muito maior de pessoas, sendo assim, os danos (de direitos autorais) são ainda muito maiores". Se o Popcorn Time chegar a ser bloqueado na Dinamarca, não seria a primeira vez que o serviço é retirado do ar em um país. Ele já foi vetado no Reino Unido após uma ação legal dos estúdios de Hollywood.

 

 
Fonte: Adrenaline

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar