Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

OS NOVOS IPHONES CONSEGUEM ENFRENTAR A FAMÍLIA GALAXY S6 EDGE?

10/09/2015

A Apple anunciou hoje os iPhones 6S e 6S Plus, sucessores dos iPhones 6 e 6 Plus, respectivamente. Como de costume, eles trazem atualizações ao hardware e às câmeras dos dispositivos, além de incluir algumas inovações interessantes.

A Samsung talvez tenha sido a empresa que mais prestou atenção nos anúncios da Apple. Afinal, os iPhones são os principais concorrentes (e talvez algumas das principais inspirações) da linha Galaxy da fabricante coreana.

Além da preocupação em oferecer uma performance de ponta, tanto os iPhones quanto os Galaxies são dispositivos focados em inovações inusitadas e designs belos e arrojados. São aparelhos preocupados não apenas em funcionar bem, mas em dar a seus usuários uma experiência deslumbrante.

Aproveitando o anúncio de hoje, resolvemos comparar o que já sabemos sobre os novos iPhones com os dispositivos mais recentes da linha Galaxy, o S6 Edge e o S6 Edge+, para tentar imaginar como seria uma disputa entre eles. Confira:

Hardware

Reprodução

Os iPhones 6S e 6S Plus estrearão a nova geração de processadores de iPhone da Apple, os A9. De acordo com o que a empresa divulgou hoje, eles devem oferecer um ganho de 70% de desempenho com relação aos chips A8 que moviam os iPhones 6 e 6 Plus (e que já não faziam feio).

Infelizmente, isso foi basicamente tudo que a empresa disse sobre os componentes internos dos seus novos smartphones. A empresa não confirmou se finalmente atualizaria a memória RAM dos aparelhos (o 6 e o 6 Plus tinham apenas 1GB ainda). Assim, é difícil estimar como eles se compararão ao desempenho dos Galaxies.

De qualquer maneira, o desafio é considerável: os Galaxies estão entr os smartphones com melhor desempenho do mercado. O S6 Edge possui 3GB de RAM, e o Edge+ traz estonteantes 4GB. Embora esses dados não signifiquem muito sem contexto, a empresa coreana dificilmente deixaria toda essa RAM à toa no dispositivo.

Vale lembrar também que a Samsung foi por muito tempo a empresa que fabricava os processadores dos dispositivos móveis da Apple, e é provável que eles tenham guardados alguns segredos apenas para si mesmos.

Em termos de memória, no entanto, as duas empresas pisam um pouco na bola. Nem os Galaxies nem os iPhones 6S possuem entrada para cartão microSD. A Samsung, pelo menos, teve o bom senso de fazer com que a menor versão de seus Galaxies fosse a de 32GB.

Os novos iPhones começam com 16GB, o que deixa bem pouco espaço quando você exclui o espaço que o próprio sistema operacional ocupa. A medida, além do mais, parece ser feita para forçar os usuários a pagar pelo seu serviço de armazenamento na nuvem, o iCloud.


Câmera

Reprodução

As câmeras dos Galaxies S6 Edge e S6 Edge+ foram consideradas algumas das melhores do mercado no momento de seu lançamento. Mas câmeras dos iPhones também têm uma reputação excelente, o que deve tornar essa disputa bastante acirrada.

Os novos iPhones trarão um aumento de 50% na quantidade de pízels de suas imagens. E, segundo a empresa noticiou em seu evento hoje, esse aumento não trará nenhum prejuízo à nitidez de cada píxel individual. As imagens mostradas durante o evento sugerem que não vai ser fácil encarar de frente essa novidade.

Além disso, os iPhones também terão a funcionalidade “Live Photos”. Com elas, cada foto se transformará em um pequeno gif, que pode ser visualizado ao apertar a tela com mais força, e compartilhado por meio de aplicativos. É possível que haja algum aplicativo para Android que permita simular essa função nos Galaxies, mas, a princípio, a Apple marca pontos com essa novidade.

O Galaxy S6 Edge+, por outro lado, tem uma funcionalidde que por enquanto é exclusiva dele: ele permite que o usuário comece a transmitir vídeo ao vivo para o Youtube com apenas um botão, acionado direto do aplicativo da câmera. Se o streaming ao vivo se tornar a sensação que o Youtube espere que se torne, a Samsung estará melhor posicionada para aproveitar isso.


Design

Reprodução

A briga nesse quesito é bem acirrada: os aparelhos da linha Galaxy e os iPhones talvez sejam os smartphones que mais investem em uma aparência elegante, sólida e inovadora.

Os novos dispositivos da Apple, no entanto, parecem um pouco mais conservadores do que os da Samsung. Em primeiro lugar, eles não possuem nenhuma característica tão visualmente chamativa quanto as bordas curvadas dos Galaxies Edge. Além disso, eles também são bastante parecidos com os iPhones 6 e 6 Plus, que eles sucedem.

Por outro lado, usuários que prefiram uma aparência mais sóbria e tradicional podem acabar se sentindo mais atraídos ao formato mais bem estabelecido dos iPhones. Eles se parecem bastante com o que usuários da Apple já estão acostumados.

O tamanho também pode influenciar nesse sentido: os novos iPhones são um pouco menores, com telas de 4,7 polegadas (o 6S) e 5,5 polegadas (o 6S Plus). Os dispositivos da Samsung, por outro lado, têm telas de 5,1 polegadas (o Galaxy S6 Edge) e 5,7 polegadas (o S6 Edge+).


Funcionalidades

Reprodução

Tanto os novos iPhones quanto os Galaxies Edge apostam em funções específicas que eles não compartilham com outros dispositivos no mercado. Nos dois casos, a ideia das empresas parece ser a de oferecer aos usuários de seus dispositivos uma experiência absolutamente única.

O foco da Apple com essa nova linha de iPhones parece ter sido o 3D Touch, uma tecnologia que torna a tela dos dispositivos sensível a toques em diferentes pressões. Com isso, é possível interagir com ela de novas maneiras.

Como se trata de uma funcionalidade vinculada ao hardware (a tela do aparelho), o 3D Touch provavelmente não será tão fácil de se transpor para outros dispositivos que queiram imitar essa funcionalidade.

Os Galaxies Edge, por outro lado, também têm sua cota de funcionalidades específicas. As bordas curvas do dispositivo podem ser usadas para mostrar notificações e guardar os principais aplicativos e contatos do usuário. Essa função também não será tão fácil de emular em dispositivos sem a tela curva.
 
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar