Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

BANDA LARGA FIXA: GVT SUPERA NET COMO FORÇA DE MARCA NO BRASIL

14/07/2015

A GVT, da Telefônica, ultrapassou a NET em força de marca - a atração menos rejeição perante clientes e não clientes - na oferta da Internet banda larga fixa. Em Valor Percebido (custo-benefício percebido pelos clientes), a GVT desponta como segunda colocada. A Live TIM (fibra óptica) apareceu e já conquistou a melhor nota entre seus consumidores.

A Sky Banda Larga é a terceira colocada em Valor Percebido e Vivo Fibra a terceira em Força da Marca, revela estudo da CVA Solutions, que entrevistou cerca de 5500 pessoas em todo o Brasil. De acordo com o levantamento, os consumidores estão contratando Internet Banda Larga Fixa com média de 10 MB, o dobro do que ocorria em 2013. Quase 50% já navegam com velocidade que varia de 5 MB a 15 MB. E para quem usa fibra ótica, as médias de velocidade já são entre 25 e 50 MB.

“Telecom continua sendo mal avaliado, mas a percepção dos consumidores melhorou, sendo que preço continua sendo fator que determina uma potencial mudança de marca. Se fosse fácil e descomplicado 68,5% mudariam de provedora de Internet, 64,2% mudariam de operadora de TV e 68,7% mudariam de Telefonia Fixa. As queixas mais constantes são sobre ausência de sinal e atendimento”, afirma Sandro Cimatti, sócio-diretor da CVA Solutions, empresa de pesquisa de mercado e consultoria, subsidiária da norte-americana CVM Inc.

Segundo o estudo, a busca por maior velocidade na Internet Banda Larga e pelo uso das marcas que se utilizam da fibra ótica (Vivo Fibra e Live TIM) decorre do fato que as pessoas estão trabalhando cada vez mais em casa, vendo filmes em streaming e fazendo downloads de música: 61,3% disseram usar a Internet para trabalhar em casa, 74,2% fazem download de música e filmes e 61,3% assistem filmes pela internet.

TV POR ASSINATURA: mudança se fosse mais simples

A média de gasto mensal com TV por Assinatura aumentou de R$ 127, em 2014, para R$ 140, em 2015. Já o percentual de pessoas que contratam apenas TV por assinatura caiu de 54,9%, para 51,4%. Os demais possuem os chamados “combos” com Banda Larga, Telefone Fixo e/ou Telefone Móvel, revela ainda o levantamento da CVA Solutions. Essa parte ouviu  5.703 pessoas que citaram Claro TV, CTBC-ALGAR TV, GVT TV, NET, Oi TV, Sky e Vivo TV (TVA ou Telefonica).

As marcas que operam via satélite – Sky e Claro TV – têm a melhor avaliação por seus clientes, já que essa conexão pode significar uma menor interrupção do sinal. Também em recomendação líquida, a Sky tem um índice de 25%, seguida pela GVT com 13,1% e pela Claro TV com 11,1%. Em uma possível migração dos 64,2 % de consumidores que dizem que mudariam de marca se fosse fácil e descomplicado, a GVT seria beneficiada com um aumento de 3,7% pontos percentuais em seu market share.

Em Valor Percebido (custo-benefício percebido pelos clientes) a Sky continua a primeira colocada, com 1,05, seguida pela Claro TV com 1,03 e pela GVT com 1,01. Oi, Net, Vivo e CTBC-Algar tem nota inferior a 1,0. A operadora que detém a maior Força da Marca (a atração menos rejeição perante clientes e não clientes) em TV por Assinatura também é a Sky (com 28,5%). Na segunda colocação está a Net (18,1%), seguida por GVT com 4,1%. A Sky registrou um pequeno declínio, ao mesmo tempo em que a NET e a GVT melhoraram sua Força da Marca. 
 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar