Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

NOVO MACBOOK RECEBE NOTA 1 EM REPARABILIDADE

15/04/2015



O site iFixit realizou recentemente o desmonte de um modelo do novo MacBook Retina da Apple, para descobrir quais novidades ele escondia debaixo do capô e para avaliar as condições de reparabilidade do aparelho. E a nota recebida foi 1 em uma escala que vai até 10.

O novo MacBook traz uma tela de 12 polegadas com resolução de 2304x1440 píxels, resultando numa densidade de aproximadamente 226 ppi. Ele tem também menos da metade do peso e da espessura de seu antecessor de 2009. O site especula que boa parte dessa diferença pode ter sido conseguida com a eliminação de portas de entrada: seu antecessor tinha um conector MagSafe, entrada de rede, de áudio Mini DisplayPort e duas portas USB; esse possui apenas uma entrada USB-C para energia, display e dados.

Nas entranhas

Dentre outras novidades, o site percebeu que a Apple colocou o conector da bateria embaixo da placa lógica (espécie de placa-mãe) do notebook, assim como faz em seus iPads. A placa lógica, por sua vez, tem apenas um terço do tamanho da do MacBook Air de 11 polegadas. componentes são soldados nas duas faces da placa. 

Reprodução
A dificuldade de acesso comum a muitos dos outros dispositivos da Apple se mantém no design do novo Macbook. Para segurar as peças no lugar, a empresa utiliza parafusos incomuns, como tri-wings e pentalobes, além de grampos de mola.

Cada tecla do teclado, por exemplo, é segurada no lugar, por trás, por dois parafusos de cinco lobos. E cada uma possui um LED individual para iluminá-la, sistema que a Apple acredita ser mais eficiente em termos de consumo de energia, além de oferecer iluminação mais igual em cada tecla. 

Reprodução
 
Ao desmontar o trackpad Force Touch do dispositivo, o site descobriu também que ele utiliza apenas quatro sensores de força, com cabos correndo por eles, e não possui partes móveis. De acordo com eles, isso faz com que o componente se torne mais durável.

Reprodução
 
Conclusão

O site deu nota mínima para o novo MacBook em termos de reparabilidade. Os motivos citados são a dificuldade desnecessária de acessar os componentes, devido aos parafusos incomuns e ao roteamento dos cabos, a ausência de vidro protetor no display Retina, o fato de a RAM, o processador e a memória flash serem soldadas à placa lógica, a bateria ser colada à carcaça e difícild e se remover.

Além disso, o site também apontou para a enorme dificuldade em se acessar a porta USB-C, fixada por parafusos tri-wing e enterrada sob os suportes da tela, um problema que se torna ainda mais grave pelo fato de que ela é a única porta de entrada do dispositivo e, portanto, estará sujeita a maior desgaste.

O novo MacBook já está disponível em pré-venda no Brasil. Seu preço varia entre R$8,5 mil e R$ 10,5 mil, dependendo das configurações escolhidas. 
 
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar