Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

MERCADO DE PCS CONTINUA EM QUEDA, MAS SE SAI MELHOR DO QUE AS EXPECTATIVAS

13/04/2015



A IDC (International Data Corporation) divulgou os resultados de suas pesquisas em vendas de PC para o primeiro trimestre fiscal de 2015, e o mercado, apesar de continuar em queda, superou as expectativas mais pessimistas e diminuiu menos do que o esperado.

 

Foi vendido um total de 68,5 milhões de unidades de PC durante o período, o que representa, ainda, um decréscimo anual de 6,7%, que foi recebido como boas notícias pelos pesquisadores da IDC, que esperavam um desempenho pior. Entre os motivos para o bom desempenho das vendas (e um possível desempenho futuro ainda melhor) está no lançamento do Windows 10, bem como sua promessa de upgrade gratuito. 

"O lançamento que se aproxima do Windows 10 vai consolidar o melhor que há no Windows 7 e 8.1. Além do upgrade gratuito por um ano para os consumidores depois do lançamento, o Windows 10 deve ser um atrativo positivo, uma vez que há uma demanda reprimida de substituição para PCs mais antigos. Apenas parte da base instalada precisa substituir seus sistemas para manter o crescimento geral acima de 0 pelo resto do ano."

Rajani Singh, analista sênior na IDC.

 


Uma queda menor do que o esperado, porém, ainda é uma queda, como relembra Jay Chou, outro representante da IDC:

"Embora as vendas realmente excederam uma previsão já cautelosa, o mercado infelizmente continua fortemente dependente de preços como sendo o maior direcionador, com o volume de SKUs de entrada ainda mascarando uma demanda ainda tênue por sistemas mais caros que é necessária para sustentar um ecossistema mais diverso de PCs. A pressão dos preços está trazendo muitos SKUs premium para faixas de preço intermediárias. Conforme mais vendedores percebem estar cada vez mais difícil competir, nós podemos esperar uma consolidação adicional do mercado de PCs."

 
Olhando a tabela da IDC, porém podemos perceber que a Lenovo, atual maior do mundo e a HP, segunda colocada, ainda conseguiram ter um crescimento positivo para o primeiro trimestre, de 3,4% e 3,3% respectivamente. Muitíssimo acima da Dell, terceira colocada, que já teve uma queda de 6,3%. A Asus, foi a que menos vendeu PCs em números absolutos, mas emplacou o maior crescimento nas vendas de todos, com 4,4%.
 
 
 
 
Fonte: Adrenaline

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar