Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

SAMSUNG INICIA VENDAS DE GALAXY S6 E APPLE LANÇA IWATCH

13/04/2015

O Galaxy S6 da Samsung começa a ser vendido nesta sexta-feira em vários países da Europa, América do Norte e Ásia, além do Chile. A esperada venda coincide com o lançamento dos primeiros estoques do relógio inteligente da Apple, arquirrival da fabricante sul-coreana.

Cerca de cinco anos depois da chegada do primeiro Galaxy S, o S6 e o S6 Edge, são simultaneamente postos à venda em mercados considerados estratégicos, incluindo França, Alemanha e Austrália.

Na América Latina, o Chile será o primeiro país onde estará disponível, semanas antes do início das vendas em países como México, Colômbia e Peru.

A Samsung, que recuperou a liderança mundial de "smartphones" no segundo semestre de 2011, está desde o quarto trimestre de 2014 em acirrada disputa com a Apple pela primeira posição no mercado.

A Samsung pavimentou seu êxito sobre uma reputação de elegância e bom desempenho de seus produtos, mas o S5, lançado no ano passado, decepcionou por suas modestas inovações. O iPhone 6, por outro lado, foi um sucesso de vendas.

Segundo as críticas muito positivas das revistas e dos sites especializados, o Galaxy S6 parece recuperar o "espírito Samsung", por seu design e também por suas características técnicas: revestimento de metal temperado, tela de alta definição "super AMOLED" de 5,1 polegadas, e até 128 Go de armazenamentos de dados, entre outros atrativos.

Em Seul, Joo Seung-Bin foi um dos primeiros nesta sexta-feira pela manhã a entrar na fila para comprar um S6. "Não é barato, mas não sou desses que muda de telefone todo ano. Tem um super design", explica este jovem de 23 anos, que teve que desembolsar 850.000 wons (730 euros ou USD 785). O S6 Edge é vendido a 979.000 wons (840 euros, USD 900).

O S6 e o S6 Edge -com plataforma Android- são equipados com uma bateria recarregável com um "dock" (uma base) sem fio. Bastam 10 minutos para ter 4 horas de autonomia suplementar.

Apple Watch chega a Tóquio

A Samsung está convencida de ter encontrado resposta para o popular iPhone 6, que deu à Apple históricos lucros no quarto trimestre, alcançando a sul-coreana que viu sua fatia de mercado reduzida de 30% no final de 2013 para cerca de 20% no final de 2014.

Lee Sang-Chul, número dois da divisão móvel da Samsung, afirmou nesta quinta-feira que o "S6 terá vendas recordes para um Galaxy".

A Samsung revela poucas vezes os seus dados de venda, mas o S4 -lançado em 2013- é até o momento o smartphone mais vendido do grupo, com 70 milhões de unidades colocadas no mercado.

Com o lançamento do S5, as vendas caíram em 2014 e a Samsung anunciou no final de janeiro a primeira redução em três anos de seu lucro líquido anual.

A fabricante sul-coreana está entre a cruz da Apple, que domina a alta gama de smartphones, e a espada dos fabricantes chinos como Lenovo, Xiaomi e Huawei, cujos produtos são mais baratos e cada vez melhores tecnicamente.

A Apple lança nesta sexta-feira o aguardado Apple Watch, um relógio inteligente disponível mediante reserva prévia duas semanas antes de sua comercialização.

As primeiras encomendas foram feitas no Japão a poucas do lançamento mundial via internet, às 07H01 GMT.

Este relógio conectado estará disponível no dia 24 de abril em nove países (Austrália, Canadá, China, França, Alemanha, Hong Kong, Japão, Reino Unido e Estados Unidos), ao preço de 349 dólares (EUR 399) para o modelo básico (Apple Watch Sport), e mais de 10.000 dólares para uma versão em ouro.

O Apple Watch, primeiro novo produto apresentado por Apple desde o iPad em 2010, permitirá a seu proprietário escutar música, receber SMS e também receber e fazer chamadas telefônicas.

 
 
Fonte: Uol

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar