Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

MAIOR PARTE DA SÉRIE AMD RADEON 300 DEVERÁ SER BASEADA EM VERSÕES ANTIGAS DA ARQUITETURA GCN

23/02/2015


Parece que estamos cada vez mais perto do lançamento da série 300 de placas de vídeo da AMD e, com isso, os rumores sobre as GPUs se intensificam. A mais recente das especulações indica que boa parte da série vai ser baseada nas arquiteturas GCN 1.1 e 1.2.

Se isso for confirmado, a maior parte da série vai ser uma atualização da linha atual, porém com maiores clocks e possivelmente com novos recursos. Isso não chega a ser novidade para a GPU de codinome Granada, que deverá uma atualização da Hawaii com maiores clocks, de acordo com rumores anteriores.

A surpresa está no resto da linha, que não tinha tido suas informações vazadas até agora. Segundo o Sweclockers, a GPU Trinidad poderá ser uma nova versão da Tonga ou uma placa de vídeo completamente nova. O mais provável é que ela sirva de base para a Radeon R7 960 ou a AMD R9 370.

O único chip que deve trazer uma nova versão da arquitetura GCN (a 1.3) deverá ser a GPU Fiji, que provavelmente vai servir como base para a Radeon R9 390X e a R9 390. Especula-se que a topo-de-linha terá 4096 Stream Processors e 4 GB de memória de vídeo. Para completar, a empresa também deve estar preparando a Radeon R9 395X2, que seria dual-GPU.
 
 
 
Fonte: Adrenaline

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar