Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

SISTEMA USA CALOR DOS COMPUTADORES PARA AQUECER AMBIENTES

06/02/2015

 
 

Sempre que se manda uma foto, texto, vídeo ou qualquer outro tipo de dado para a nuvem, essa informação tem de ser processada em um ambiente físico. E, à medida em que a concepção de computação em nuvem se expande, as empresas estão sendo obrigadas a construir mais e mais prédios para abrigar os computadores responsáveis por todo esse processamento.

Um dos maiores problemas desse cenário é que, se um computador doméstico já gera calor suficiente para incomodar, imagine o que acontece quando se junta milhares de máquinas mais potentes em um mesmo ambiente. As empresas são obrigadas a gastar fortunas para resfriar seus centros de dados.

Um engenheiro percebeu que há uma boa oportunidade de negócio aí. Levando em conta que as casas norte-americanas gastam 60% de sua energia aquecendo ambientes e a água, Lawrence Orsini pensou: por que não transferir o calor dos computadores para as casas?

Ele desenvolveu, então, o computador Henry, que consegue fazer essa transferência e hoje é responsável por manter sua casa em Nova York (que passou recentemente por uma nevasca bem rígida) aquecida.

Agora Orsini quer transformar sua ideia num produto, então abriu o Projeto Exergy no Kickstarter, onde pede US$ 100 mil para aperfeiçoar o sistema. Os computadores que ele imagina terão todos os componentes elétricos mergulhados em um fluido não condutor e isolante que será ligado diretamente aos sistemas de aquecimento existentes.

Em uma casa cheia de gadgets, a máquina poderia servir de central. Mas ela também tem potencial para servir em centros de dados.

Orsini não é o único preocupado com o cenário que o fez pensar nisso tudo. Como lembra o Verge, a Amazon projetou um esquema semelhante para equilibrar as contas em seu próximo data center, enquanto o Facebook tomou uma atitude ainda mais drástica ao decidir montar uma unidade ao sul do Círculo Polar Ártico.
 
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar