Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

BIG DATA: COMO LIDAR COM UM FRACASSO INICIAL?

05/02/2015

 

Uma pesquisa da Capgemini realizada com executivos da Europa, América do Norte e Ásia-Pacífico indica que oito a cada dez empresas dessas regiões possuem iniciativas de big data em andamento. Mas o levantamento também mostra um dado preocupante: apenas 27% desses executivos avaliam seus projetos como “bem-sucedidos”, enquanto apenas 8% como “muito bem-sucedidos”.

Ainda assim, 60% afirmam que o big data provocará grandes disrupções nas indústrias em que atuam nos próximos três anos. Mas como lidar com possíveis fracassos no começo dos aportes em big data? É preciso desconectar os resultados esperados das metas definidas, sugere o relatório da Capgemini.

A integração dos dados é também uma questão a ser resolvida, destaca o estudo. A maior parte das corporações ainda utiliza sistemas legados, que até então apoiavam a gestão de dados corporativos e o gerenciamento de dados corporativos.Poucas são aquelas que incluíram novas fontes de dados, como redes sociais, dados de log ou até mesmo dados de sensores, para avaliar interações com clientes, desempenho de produtos e outros índices.

Não por acaso, os silos de dados são apontados como um problema e 60% assumem que não há integração de suas fontes de dados. Sem essa comunhão de informações, as tomadas de decisões ficam imprecisas. A consultoria destaca que o ideal, para tocar os projetos de big data, é unificar as iniciativas em uma única unidade de negócio.

 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar