Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

OS PLANOS DA SONY: MENOS SMARTPHONES E UM RELÓGIO DE PULSO FEITO DE E-PAPER

27/11/2014

Sony Xperia Z3
 
 

A Sony não para de sangrar dinheiro: só entre julho e setembro, ela teve prejuízo líquido de US$ 1,2 bilhão. E agora? Para reverter isso, a japonesa aposta em mais inovação e menos smartphones.

A Bloomberg diz que a Sony está preparando um relógio de pulso cuja superfície é inteiramente feita de e-paper. Ele vai “enfatizar o estilo, ao invés de tentar superar alternativas mais tecnológicas”.

A face e a pulseira do relógio serão feitas de e-paper, permitindo que ele funcione como uma tela ao redor do seu pulso. Não está claro se ele será colorido ou monocromático.

Isto faz lembrar o FES Watch, um relógio de pulso que usa e-ink para personalizar a face e a pulseira. Ele está sendo financiado via crowdfunding e custa o equivalente a R$ 420, para ser entregue em maio de 2015. Vale notar que a Sony não tem participação nisso, mas o vídeo abaixo pode nos dar uma ideia do que esperar:

O projeto da Sony vem do Laboratório de Design e Inovação, criado e comandado pelo CEO Kaz Hirai. Após uma década passando por reduções de custo e demissões, a cultura de inovação na Sony acabou sofrendo, e Hirai quer recuperá-la. Seu objetivo é criar o próximo grande avanço da empresa – o Walkman ou PlayStation da nossa época.

A Bloomberg sugere que o novo relógio de e-paper pode estar disponível já no ano que vem.

Menos smartphones

De acordo com a Reuters, a Sony vai reduzir a quantidade de modelos de TV e smartphone para cortar custos. Um executivo diz: “não estamos mirando em participação de mercado, e sim em lucros melhores”.

No último trimestre, a divisão de celulares teve que registrar “encargos de depreciação” no valor de US$ 1,7 bilhão. Isso significa que os smartphones no estoque da Sony perderam um valor que não deve se recuperar.

A Sony está sofrendo com a concorrência de fabricantes chinesas – como a Xiaomi – que vendem smartphones com boas especificações a preços extremamente baixos. É o mesmo problema que a Samsung está enfrentando.

E eles vão adotar o mesmo remédio: reduzir o número de modelos. De acordo com o GSM Arena, a Sony lançou 14 smartphones este ano, sem considerar as variantes dual-chip:

Xperia Z1 Compact; Xperia Z1s; Xperia T2 Ultra; Xperia E1; Xperia Z2; Xperia M2; Xperia T3; Xperia Z2a; Xperia C3; Xperia Z3 Compact; Xperia M2 Aqua; Xperia Z3; Xperia Z3v; Xperia E3

Talvez assim a empresa pare de substituir o modelo top de linha tão rápido; o Xperia Z3 foi lançado apenas cinco meses após o Z2. Segundo a Associated Press, Hirai disse que vai reduzir o número de modelos intermediários, “que acabaram sendo menos populares que o esperado”.

A Sony também vai demitir 1.000 dos 7.100 funcionários que trabalham na divisão de celulares. O foco da empresa agora será o PlayStation e a divisão de câmeras e sensores de imagem. Eles já venderam a divisão de PCs no início do ano.
 
 
 
Fonte: Gizmodo

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar