Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

GOOGLE SOFRE ATAQUE NA EUROPA E PROJETO PREVÊ A DIVISÃO DA TITÃ DA INTERNET

24/11/2014

O Parlamento Europeu está pronto para pedir uma separação do Google, em um dos ataques mais ousados até agora ao poder do gigante da tecnologia. O lance aumenta a pressão política sobre a Comissão Europeia, braço executivo da União Europeia, para agir mais duramente com o Google, seja na sua investigação antitruste sobre a atuação da empresa, seja pela aprovação de novas leis para coibir o seu alcance.

Um rascunho de projeto obtido pelo Financial Times diz que "a separação dos motores de busca de outros serviços comerciais" deve ser considerada como uma solução potencial para a predominância do Google. A proposta tem o apoio dos dois principais blocos políticos do Parlamento, o Partido Popular Europeu e os Socialistas. Uma votação para efetivamente atingir uma grande empresa dos Estados Unidos é algo extremamente raro no Parlamento Europeu e reflete o modo como os políticos da Alemanha se voltaram contra o Google este ano.

Os políticos alemães de centro-esquerda e de centro-direita são a força dominante no Legislativo, e as maiores empresas alemãs, de grupos de mídia a telecomunicações, estão entre os mais eloquentes críticos do Google. Desde sua nomeação como comissário digital da UE, o alemão Günther Oettinger levantou a idéia de forçar a neutralidade dos resultados de busca na internet.

O Google se tornou um para-raios para as preocupações europeias sobre o Vale do Silício, com consumidores, reguladores e políticos atacando a empresa sobre questões que vão desde seu domínio comercial até sua política de privacidade.

O Parlamento Europeu não tem poder formal para dividir empresas, mas tem crescente influência sobre a comissão, que há cinco anos investiga as preocupações com a predominância do Google nos serviços de busca on-line. Os críticos argumentam que as regras de classificação dos resultados de busca usados pela empresa favorecem seus próprios serviços, prejudicando os lucros dos rivais. O Google não quis comentar o assunto. O texto final do projeto deve ser fechado no início da próxima semana para votação programada para quinta-feira, dia 27/11.
 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar