Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

MARVEL INTIMA GOOGLE POR CAUSA DE TRAILER VAZADO DE “A ERA DE ULTRON”

10/11/2014

Parecia que a Marvel e sua empresa-mãe, a Disney, iriam levar na esportiva o vazamento antecipado do primeiro trailer do próximo dos Vingadores. Mas, nos bastidores, foi enviada uma intimação judicial para o Google, para que o gigante da tecnologia forneça detalhes que permitam a identificação do responsável pelo incidente.

A Marvel agiu rapidamente e entrou com o pedido de intimação no próprio dia 22 de Outubro, dia do vazamento, citando o link inicial no Google Drive, serviço de armazenamento de arquivos do Google. Foi enviado simultaneamente para o Google um pedido de remoção do vídeo e uma ordem judicial, alegando violação de direitos autorais.

A intimação foi concedida na última quinta-feira e “ordena” que o Google disponibilize todas as informações disponíveis relacionadas ao usuário “John Gazelle”, não apenas de sua conta no serviço de nuvem, mas também sua conta no YouTube e Google+. “Incluindo mas não se limitando a qualquer informação fornecida quando a conta ou perfil de ‘John Gazelle’ foi estabelecido, registros de cobrança ou administrativos que indiquem o nome(s), endereço(s), número(s) de telefone, endereço(s) de e-mail, endereço(s) de IP utilizados por tal usuário, número(s) da conta, e qualquer outro documento físico ou eletrônico identificando o citado”.

A Marvel também solicitou uma busca e apreensão nos escritórios do Google, mas o pedido foi negado pelo juiz federal que autorizou a intimação.

No mesmo dia 22 de Outubro, a Marvel liberou uma versão de qualidade do mesmo trailer, após brincar no Twitter sobre o suposto responsável do vazamento, atribuindo o incidente à organização terrorista ficcional H.Y.D.R.A., inimiga do Capitão América. O primeiro trailer do filme seria divulgado oficialmente somente dias depois, no intervalo de um episódio da série televisiva Agents of SHIELD. A empresa contornou o problema oferecendo uma versão do mesmo trailer com uma cena estendida durante a exibição do seriado.

Até o momento, o Google não se manifestou publicamente sobre a intimação ou sobre a identidade do usuário “John Gazelle”. O site de cinema Deadline teve acesso ao documento completo da intimação e disponibilizou em forma de PDF online.
 
 
 
Fonte: Codigo Fonte

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar