Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

PROFESSOR BRITÂNICO É AFASTADO POR SUPOSTOS POSTS RACISTAS NO FACEBOOK

13/10/2014

O professor Jonathan Parker, de Birmingham, Reino Unido, foi afastado de suas atividades após uma série de posts supostamente racistas contra muçulmanos no Facebook. As informações são do Daily Mail.

Parker teria publicado frases, em inglês, como essas: Muçulmanos causam pedofilia, Estamos sem costeleta de porco por causa dos muçulmanos, Os muçulmanos não pagam taxas de imigração. Se eles fossem taxados nós teríamos mais dinheiro para saúde e educação.

Ele teria, ainda, pedido votos no Facebook para o partido político UKIP, que defende bandeiras contra imigração.

Ele sempre foi um professor popular, por isso ficamos muito chocados quando vimos esses comentários, afirmou um aluno de 15 anos ao site.

Um amigo do professor, que não quis se identificar, afirmou que o caso se trata apenas de um engano e que as declarações de Parker eram brincadeira. As mensagens foram enviadas apenas para amigos e eram satíricas. Elas foram feitas durante as eleições europeias, contra a UKIP. O objetivo era justamente mostrar os aspectos anti-islâmicos de sua campanha, disse ao Daily Mail.

A Washwood Heath Academy, escola onde o professor trabalhava, afirmou que uma investigação está em curso e que não podem comentar. Parker foi suspenso em junho deste ano, mas o caso só ganhou notoriedade recentemente.
 
 
 
Fonte: Uol

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar