Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

RÚSSIA ABRE CONCURSO CAÇA-NÍQUEL PARA QUEM QUISER TENTAR QUEBRAR O TOR

29/07/2014

Atenção, hackers russos! Estiquem os dedos e peguem seus talões de cheques! A Rússia está oferecendo um contrato de US$ 110 mil para a primeira pessoa que aparecer com um bom método para descobrir informações pessoais do usuários do navegador anônimo Tor. Mas tem uma pegadiça aí. O privilégio de concorrer custará US$ 5.500.

Isso é engraçado em vários níveis. Do ponto de vista da cibersegurança, é meio ridículo. O Tor, originalmente desenvolvido pela Marinha Norte-Americana, é um conjunto de ferramentas que permite aos usuários preservar seu anonimato na rede, e faz isso muito bem. Nós descobrimos, há alguns meses, que a NSA tem tentado —e falhado em— quebrar a segurança do Tor há um tempo. Portanto, podemos presumir que o gênio que conseguisse esta façanha mereceria mais que um contrato no valor de uma TV gigante.

Além disso, tem a questão da taxa de inscrição. É cara demais! Sério, US$5.500 dólares é muita grana em qualquer país, mas ainda mais num em que a renda média anual é de apenas US$10.000. A competição é apenas para cidadãos russos, então há um campo limitado de participantes. E, depois disso tudo, é provável que uma equipe da Universidade Carnegie Mellon já tenha descoberto como fazer isso, de acordo com as notícias da recente discussão entre os pesquisadores e os advogados da instituição.

Bom, mas por que o governo Russo deveria se importar, não é mesmo? Eles vão precisar de apenas vinte participantes para cobrir o custo do contrato. Depois disso —e de outros custos burocráticos— eles estão no lucro.
 
 
 
 
Fonte: Gizmodo

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar