Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

GRUPIA QUER PREENCHER O VAZIO DEIXADO PELO FIM DAS COMUNIDADES DO ORKUT

09/07/2014

grupia
 
 

Para muita gente, o fim do Orkut talvez não signifique muita coisa. Afinal, há anos os brasileiros migraram para o Facebook e abandonaram a rede social mantida pelo Google. Mas acredite: o Orkut ainda tem usuários e eles sentirão muita falta da plataforma quando ela for definitivamente desativada. Afinal, não há nada em outras redes sociais que substitua a experiência das comunidades do Orkut.

No final de 2012, o Google introduziu comunidades ao Google+. Na época, escrevi que fiquei animado ao saber da novidade, mas logo me decepcionei: era algo mais próximo aos grupos do Facebook do que às comunidades do Orkut. Não era um ambiente que incentivava a discussão, a troca de informações, as conversas. E é exatamente isso que faz com que o Orkut ainda esteja vivo para muita gente: só ele dá esse espaço para fóruns de discussão, tudo centralizado em um mesmo perfil (o seu).

Pois bem, com o anúncio do fim do Orkut, os sobreviventes da rede social se desesperaram: para onde levariam as discussões? Eles precisavam de um novo espaço para isso. Aos poucos foram surgindo opções. Uma delas é o VK, rede social russa com imensa popularidade no leste europeu, e que viu uma invasão de usuários brasileiros na última semana – afinal, ela oferece comunidades exatamente como no Orkut.

Entra em ação o Grupia. Trata-se de uma plataforma que ainda está em desenvolvimento – com previsão de lançamento para 30 de agosto, um mês antes do fim definitivo do Orkut. O Grupia quer ser uma rede social de comunidades, de fóruns de discussão – quer ser o que o Orkut ainda era, mas agora sem o risco de ser abandonado pelo Google.

Mas seus desenvolvedores prometem algumas melhorias em relação ao Orkut. Em primeiro lugar, vale lembrar que desde 2011 o Orkut não passava por nenhuma reformulação. O Grupia pode trazer um visual mais moderno, mais adequado para a internet de 2014. E não só isso, ele também já estará adaptado para a revolução que passou batida pelo Orkut: o mobile. O Orkut tinha um app para Android, mas ele não era grande coisa. Os desenvolvedores do Grupia prometem acesso à rede social em qualquer plataforma – seja no PC, no tablet ou no smartphone.

Se você também é um dos futuros órfãos do Orkut, pode se cadastrar para a fase de testes do Grupia pelo site da futura rede social.
 
 
 
 
Fonte: Uol

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar