Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

DESENVOLVEDOR BRASILEIRO ACUSA MICROSOFT DE NÃO PAGAR POR SEUS APPS

17/02/2014

Marcelo Santiago Garcia, de 27 anos, morador de Santa Catarina, escolheu ser parte de um grupo bastante seleto. Depois de participar de um curso da Nokia, ele se tornou um dos responsáveis por povoar a loja do Windows Phone com seus aplicativos e obteve sucesso. Seus jogos superaram rapidamente os 400 mil downloads, o que o motivou a começar a vender suas aplicações. Foi quando começou o problema.

Seu perfil marcava que ele já tinha direito a um pagamento de US$ 3,1 mil, ou cerca de R$ 7,2 mil, pela venda de seus apps. Em outubro de 2013, ele deveria receber seu primeiro pagamento pelos apps… e nada.

Reprodução


Em relato ao Olhar Digital, Garcia conta que segundo a documentação da Microsoft, o repasse deveria ter sido feito em no máximo 60 dias. Já se passaram quatro meses e ele alega não ter recebido o que deveria pelos seus serviços.

Ele conta que, durante todo o período, tentou entrar em contato com o suporte da Microsoft sem sucesso. Garcia diz que não sente que o caso se trate de “enrolação”, mas pura desinformação em relação a como efetuar o pagamento.

A Microsoft, por sua vez, não nega o incidente. Em contato com o OD, a assessoria declara que o caso foi repassado para a equipe responsável pelo assunto na empresa e deve ter uma resolução em breve. Assim que a Microsoft se posicionar sobre o tema, incluiremos a informação neste artigo.

A empresa diz também que casos do tipo não são comuns e o relato de Garcia é uma exceção. A Microsoft
orienta que outros desenvolvedores com problemas visitem este link e abram um chamado para obter ajuda.

 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar