Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

ESTE É O CIRCUITO QUÂNTICO INTEGRADO MAIS COMPLEXO JÁ CRIADO

15/01/2014

original (19)
 
 

Isso que aparece na imagem acima é o circuito quântico complexo integrado mais funcional já feito de um único material – e ele consegue gerar e emaranhar fótons ao mesmo tempo.

Criado por uma equipe de pesquisadores com gente do Reino Unido, Japão e Holanda, o circuito conta com duas fontes de fótons em um chip de silício, que interferem de maneira mecanicamente quântica. Para quem não sabe, essa interferência entre múltiplos fótons é o que pesquisadores dependem para usar em mecânicas quânticas como ferramenta para processamento de informações.

Normalmente, entretanto, é bem difícil medir esse tipo de interferência, pois ela exige que os fótons – aquelas partículas da luz – sejam idênticos, o que é bem complicado. Mas Mark Thompson, da Universidade de Bristol, no Reino Unido, solucionou o problema. Ele explicou ao Physics World:

Essas fontes produzem luz emaranhada – que nós podemos controlar – e interferência mecanicamente quântica no mesmo chip. Nós injetamos o feixe em duas regiões do chip (que se tornaram duas fontes) e combinamos a luz quântica produzida usando um elemento divisor de feixe, também no chip. Nós controlamos precisamente o caminho percorrido pelos fótons através de uma das fontes ao mudar a temperatura de uma das duas guias de onda contidas no chip e observadas em franjas de interferência quântica.

E essas franjas representam a interferência quântica entre dois fótons. Pronto, problema resolvido – e só foi preciso um dos circuitos mais complexos conhecidos pelo homem. Essencialmente, eles criaram o primeiro system-on-a-chip quântico, e eles dizem que isso pode ajudar a mudar a forma como a fibra ótica funciona no futuro. Talvez estejamos um pouco mais próximos de ganhar uma internet banda larga mais veloz.
 
 
 
Fonte: Gizmodo

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar