Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

TELES RECLAMAM DE ESTUDO DA UIT E ALEGAM QUE BRASIL NÃO TEM CELULAR MAIS CARO

18/10/2013

As operadoras brasileiras divulgaram nota em que reclamam do estudo da União Internacional das Telecomunicações e rejeitam a conclusão da entidade de que praticam os preços mais caros do mundo na telefonia móvel. “Há um sério equívoco nos dados divulgados pela UIT”, sustentam.

A UIT considerou valores dos planos de serviço homologados na Anatel, no caso de US$ 0,71 a US$ 0,74 por minuto. As empresas entendem que a diversidade de planos em oferta e as promoções levam os valores efetivamente praticados a patamares bem menores.

“Considerando todos os planos, o preço médio do minuto no Brasil é de R$ 0,15, com impostos, ou 7 centavos de dólar e não os 74 centavos apontados pela UIT. Em muitos planos o preço é de R$ 0,05 ou pouco mais de dois centavos de dólar”, diz a nota do sindicato nacional das empresas, Sinditelebrasil.

“A UIT considera os planos ‘homologados’, que são uma espécie de preço-teto, mas que em hipótese alguma é praticado, devido à altíssima concorrência no setor”, insiste o Sinditelebrasil. “Segundo a Consultoria Teleco, a conta média do brasileiro é de R$ 19, considerando 132 minutos de ligações”, completa.
 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar