Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

CDS E DVDS DE ARTISTAS BRASILEIROS PODEM FICAR ATÉ 40% MAIS BARATOS

17/10/2013

cds
 
 

Caso você ainda compre CDs e DVDs, eis uma boa notícia: os discos de artistas brasileiros podem ficar até 40% mais barato.

O Congresso promulgou ontem a isenção fiscal a CDs e DVDs produzidos por artistas brasileiros. Com ela, os produtos ficam livres de ICMS, ISS e IOF, o que pode render redução de 30% a 40% no preço final a consumidores.

A medida visa combater a pirataria, e foi bem recebida por alguns nomes da MPB. A cantora Rosemary, por exemplo, disse que a medida pode ajudar a impulsionar o mercado fonográfico nacional:

Esse nosso mercado da música estava tão parado, tão nada… O que digo agora é que vamos acionar essa cadeia cultural produtiva da música que estava toda arrasada. Novas pessoas, novos talentos vão gravar para gente dar uma mexida no mercado. Acho que é uma questão de justiça.

É um tanto estranho pensar em diminuição de preço de CDs e DVDs em tempos de serviços de streaming disponíveis no país com preços acessíveis – R$ 14.90, em média – e incluindo acervo de artistas nacionais. Mas a venda de discos físicos ainda é imensa por aqui, muito maior do que vendas digitais. Há sinais de que isso vai se reverter, mas não a curto prazo.

Ano passado, segundo a ABPD, a área digital representava 28% do mercado de música no Brasil envolvendo downloads, ringtones de telefonia móvel, serviços de streaming e streaming remunerado por publicidade em serviços de vídeo pela internet. As mídias físicas representam os 72% restantes, o que mostra que, mesmo com queda de 10% nas vendas de CDs e DVDs em 2012, este ainda é o principal meio de consumo de música no Brasil.

Não é nenhum absurdo prever que o cenário inteiro mudará nos próximos anos, e inevitavelmente chegaremos a um momento em que a área de música digital superará a mídia física. Mas, até chegar lá, os CDs ainda são grande coisa. E, no caso dos artistas nacionais, agora eles estão mais baratos.
 
 
 
 
Fonte: Gizmodo

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar