Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

EMPRESA LANÇA SERVIÇO DE COMPARTILHAMENTO COM PROTEÇÃO ´A LA PRISM´

27/09/2013

A empresa de serviços em nuvem Egnyte anunciou uma ferramenta de compartilhamento de arquivos chamada Storage Connect e espera chamar a atenção de organizações que não se sentem confortáveis em ​​transferir e armazenar arquivos sigilosos usando centros de dados em nuvem.

O discurso de vendas é que o Storage Connect funciona como parte de um "programa de prevenção PRISM", que se prende a preocupações sobre quem pode acessar os arquivos assim que deixam o firewall, e se os dados podem ser expostos por serviços de terceiros em nuvem, como o Dropbox.

Os usuários acessam os arquivos usando um canal criptografado para o dispositivo (incluindo dispositivos Android ou Apple) que oferece melhor desempenho que uma VPN convencional, disse a Egnyte.

Nenhum dado sigiloso ou metadado foi transferido para ou por meio da nuvem da Egnyte enquanto o acesso aos arquivos pode ser regido usando credenciais definidas por meio da configuração do Active Directory da organização. Os arquivos também podem ser compartilhados usando links protegidos por senha com datas de vencimento.

"Devido a preocupações sobre privacidade, segurança, propriedade intelectual, ou fusão e aquisição, as empresas querem uma maneira de combinar simplicidade e facilidade de uso associado ao compartilhamento em nuvem com a segurança e a privacidade de sua própria infraestrutura", disse o CEO Egnyte, Vineet Jain.

De acordo com Jain, um levantamento feito pela IDG para a Egnyte identificou que 60% das empresas acreditam que o comportamento em compartilhamento de arquivos comprometeu seus dados, com o mesmo número de entrevistados também acreditando que arquivos importantes sempre precisam ser armazenados dentro do firewall para estarem seguros.

"Nosso Programa de Proteção fornece negócios com tudo o que é preciso para detectar somente serviços de compartilhamento de arquivos em nuvem que apresentam risco para a sua empresa. Também oferece uma maneira simples, mas segura, de acessar e compartilhar os arquivos de sua infraestrutura existente, que são muito sensíveis para serem compartilhados por meio da nuvem", disse Jain.

Apesar do nome "PRISM", o serviço provavelmente vai apelar mais para os seus benefícios de desempenho do que para quaisquer preocupações de que um ator externo, como a NSA, pode estar acessando seus arquivos. 

Uma objeção à topologia é que ele imita um sistema de armazenamento convencional. Se os arquivos não estão na nuvem, então qual é a novidade? A resposta da Egynyte é que a ferramenta permite que as organizações tornem esses arquivos disponíveis ao usar a nuvem para formas menos sensíveis de dados ao mesmo tempo.
 
 
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar