Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

VERIZON E VODAFONE FECHAM ACORDO DE US$ 130 BILHÕES POR UNIDADE MOBILE

03/09/2013

Os membros dos conselhos administrativos das empresas Verizon Communications e Vodafone aprovaram hoje por unanimidade os termos do acordo de compra da participação de 45% da Vodafone Group na subsidiária Verizon Wireless. O acordo prevê o pagamento de US$130 bilhões à Vodafone, dando à Verizon a totalidade da participação na unidade de comunicação wireless, atualmente a maior operadora de telefonia móvel dos EUA.

Em comunicado à imprensa, a Verizon diz que com a compra ela garante que poderá entregar "serviços totalmente integrados" aos seus clientes. Segundo as empresas, a transação deverá se completar no primeiro trimestre de 2014 e ainda é passível da aprovação dos órgão regulatórios de mercado.

"Como uma entidade 100% nossa, a Verizon Wireless estará melhor equipada para tirar vantagem da dinâmica altamente competitiva e mutante do mercado e capitalizar sobre a evolução contínua da demanda dos consumidores por serviços wireless de vídeo e banda larga", disse o Chairman e CEO da Verizon, Lowell McAdam.

No mesmo documento, o CEO do grupo Vodafone, Vittorio Colao, comenta que "A negociação vai dar à Vodafone e à Verizon capacidade de executar seus objetivos estratégicos de longo prazo. Desejamos a Lowell e ao time da Verizon muito sucesso".

A Verizon já estava sendo cotada para comprar a parte da Vodafone do seu negócio wireless, criado originalmente como uma joint-venture, já há alguns anos. Os usuários dos Estados Unidos não serão afetados pela negociação, segundo os analistas de mercadoe a Vodafone deverá usar esse dinheiro para comprar pequenos operadores europeus e ampliar suas operações wireless na região.

A Verizon vai pagar US$ 58,9 bilhões em dinheiro, financiado por um empréstimo ponte de US$ 61 bilhões junto a um grupo de bancos de investimento. A empresa planeja reduzir seu comprometimento com esse empréstimo temporário mais a frente convertendo-o em um financiamento permanente. A empresa também vai emitir ações ordinárias no valor de US$ 60 bilhões que serão distribuídas aos acionistas da Vodafone e vai emitir mais US$5 bilhões em notas promissórias pagáveis à Vodafone.

A Verizon vai vender 23,1% da sua participação minoritária na operadora móvel italiana Vodafone Omnitel para a própria Vodafone por US$ 3,5 bilhões e o resto da transação será uma combinação de outras considerações, diz o press-release.

Segundo o especialista Chetan Sharma, fundador e presidente da empresa Chetan Sharma Consulting, a Verizon está disposta a pagar um preço alto pela fatia da Vodafone por conta da importância estratégica do acordo. "Eles passam a ficar donos do seu próprio destino e eles claramente acreditam no futuro e que a fatia comprada hoje vai valer muito mais em alguns anos", disse Sharma numa entrevista por email.
 
 
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar