Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

FEIRA ALEMÃ TERÁ DE RELÓGIO INTELIGENTE A NOVOS ´PHABLETS´

02/09/2013

Começa nesta sexta (6) e vai até 11 de setembro, em Berlim, a 53ª IFA, uma das maiores feiras de eletrônicos da Europa. O grande dia para a indústria, porém, deve ser já nesta quarta (4), quando Samsung e Sony farão anúncios em eventos para a jornalistas.

Desde 2010, a Samsung faz os principais lançamentos da IFA. Naquele ano, a companhia apresentou o Galaxy Tab 7. Nos últimos dois anos, Berlim se transformou no ponto de partida do Galaxy Note, o que acontecerá novamente na atual edição.

Rainer Jensen - 29.ago.2013/Efe
Homem observa logotipo da feira IFA, em Berlin, na Alemanha
Homem observa logotipo da feira IFA, em Berlin, na Alemanha

Na semana passada, um executivo da empresa confirmou ao "Korea Times" o lançamento. Blogs asiáticos já exibiam supostas fotos e as possíveis especificações do aparelho.

A tela do "phablet" (categoria híbrida entre smartphone e tablet) deve crescer ainda mais e saltar das 5,5 polegadas para 5,7 polegadas. As especificações internas também podem receber atualizações. A memória será de 3 Gbytes e a câmera de 13 Mpixels. O processador deve ser o Snapdragon 800, o mais avançado da fabricante Qualcomm.

Outro produto da Samsung que deve receber bastante atenção é o Galaxy Gear, um relógio inteligente que teve anúncio confirmado pela empresa também ao "Korea Times". Apesar de tentativas de grandes fabricantes, como Motorola e Sony, e de projetos independentes, como o Pebble, o mercado dessa categoria ainda não decolou.

Não são muitas as informações disponíveis sobre o dispositivo, mas é possível que ele tenha uma tela de 2,5 polegadas, processador de núcleo duplo e conexões Bluetooth e NFC.

Dependendo do sucesso do Galaxy Gear, a Samsung pode abrir vantagem frente a Apple no mercado. Há alguns anos, rumores sobre um relógio inteligente rondam a companhia da maçã, mas nunca se confirmaram. Segundo o jornal "Digitimes", o suposto "iWatch" será lançado apenas no segundo semestre do ano que vem.

Já a Sony deve entrar em um mercado em que a Nokia vem desbravando quase sozinha: o de smartphones com câmeras potentes. O Xperia Honami (o nome é ainda provisório e é usado internamente apenas) terá 20 Mpixels de resolução e sensor de 1/2.3 polegas (parecido com o da Galaxy Camera, da Samsung).

Além do smartphone, a Sony pode mostrar produtos que transformam qualquer smartphone em câmeras de respeito. Entre eles, podem estar as lentes QX, que combina lente, sensor e processador de imagem em um único acessório que pode ser acoplado ao smartphone.

Assim, a companhia poderia entrar na disputa com as câmeras com Android, como a Galaxy Camera, sem precisar lançar um novo dispositivo, e na competição com câmeras mais sofisticadas, que normalmente têm problemas na interface e nas ferramentas de compartilhamento.

Na IFA, também são esperados lançamentos em diversas categorias por HTC, Lenovo, LG, Panasonic e Philips, entre outros.

LISTA DE PRESENÇA
Saiba quais produtos devem ser lançados na edição deste ano da IFA

GALAXY NOTE 3
A terceira geração do phablet do Samsung poderá crescer mais uma vez na tela, que terá resolução Full HD: serão 5,7 polegadas com bordas laterais de 2,2 milímetros. Memória (3 Gbytes), processador (2,2 GHz) e câmera (13 Mpixels) também devem ser atualizados

GALAXY GEAR
A Samsung também entrará no mercado de relógios inteligentes. Rumores indicam que ele terá tela de 2,5 polegas e 320 pixels x 320 pixels e se conectará via Bluetooth a smartphones. O design final, porém, não deverá contar com vidro curvado

XPERIA "HONAMI"
O nome ainda é provisório, mas é possível que a Sony apresente um novo smartphone com tela Full HD de 5 polegadas. O grande atrativo deverá ser sua câmera, com 20 Mpixels de resolução e sensor de 1/2.3 polegas (parecido com o da Galaxy Camera, da Samsung)

X910
A Lenovo também pode entrar na onda dos smartphones com um aparelho de nome ainda provisório. Ele teria processador Snapdragon, da Qualcomm, de 2,2 GHz e tela Full HD. Mas ele poderia ser voltado apenas ao mercado asiático

ONE MAX
Depois do sucesso de crítica do HTC One, a fabricante de Taiwan pode lançar um irmão maior, um phablet com tela de 5,9 polegadas. O processador deverá ser de 2,2 GHz e a memória de 2 Gbytes. O sistema operacional seria o Android 4.3

IFA 2012 EM NÚMEROS

- 3.8 bilhões de euros em negócios
- 1.439 expositores de 57 países
- 240 mil visitantes
- 6.128 jornalistas
 
 
 
 
Fonte: Folha

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar