Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

ASUS CONFIRMA QUE VAI ENCERRAR FABRICAÇÃO DE TABLETS WINDOWS RT

12/08/2013

asus windowsrt 435
 

A fabricante Asus, de Taiwan, não vai mais produzir tablets Windows RT. Durante conferência telefônica com analistas e jornalistas na sexta-feira, 09/08, sobre os resultados da companhia, o CEO da Asustek, Jerry Shen, disse ao The Wall Street Journal que essa não é uma decisão isolada.  "O sentimento da indústria é que o Windows RT não tem sido bem sucedido", comentou Shen.

A Asus fabrica hoje o tablet VivoTab RT, que utiliza processadores de arquitetura ARM e deverá encerrar essa linha. No futuro, a empresa pretende manter o foco em tablets com Windows 8 que utilizem arquitetura de processadores X86 da Intel porque, segundo Shen, tais tablets têm compatibilidade com apps mais velhas do Windows que o RT não oferece.

Na semana passada, o chairman da Asus, Jonney Shih, tinha dito que o Windows RT não estaria promissor e que a Asus estaria colocando tempo e energia em dispositivos que utilizassem chips Intel.

A afirmação de Shen acontece um dia depois da Nvidia anunciar que estaria esperando uma queda de pelo menos 40% este ano na venda do processador Tegra, usado em vários tablets com Windows RT e alguns tablets e smartphones Android. O processador Tegra 3 roda no VivoTab, da Asus, assim como no Surface RT da Microsoft e no tablet Yoga 11 da Lenovo.

Analistas acreditam que a Microsoft corre o risco de ficar sozinha no mercado fabricando dispositivos Windows RT. Os tablets com o sistema têm menos de 1% (na verdade 0,5%) do mercado de tablets no segundo trimestre de 2013, segundo estudo da IDC publicado esta semana. Isso quer dizer que cerca de 200 mil unidades do equipamento foram entregues no período, a mesma quantidade que no trimestre anterior.

Tablets com Windows 8 têm desempenho muito melhor, com entregas de 1,8 milhão de equipamentos no segundo trimestre do ano, o que representa 4% do mercado, diz a IDC.

 
 
 
Fonte: Computerworld

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar