P醙ina Inicial



twitter

Facebook

  Not韈ia
|

 

创CURTIR创 UM POST INFLUENCIA OUTROS A AVALIAREM BEM QUALQUER CONTE贒O, DIZ ESTUDO

09/08/2013

Um estudo do MIT (sigla em inglês para Instituto de Tecnologia de Massachusetts) mostra que posts marcados por alguém com "Curtir" tendem a ter também avaliações positivas por outras pessoas, independentemente do seu conteúdo, segundo o "New York Times". Os resultados foram publicados no site do jornal "Science".

"A promoção [pelo Curtir] pode funcionar e alimentar a si mesma", diz Sinan K. Aral, professor de tecnologia da informação e marketing do MIT, um dos responsáveis pela pesquisa.

Para chegar a esse dado, os cientistas utilizaram um site (cujo nome não foi revelado) no qual leitores podiam publicar links para reportagens na internet. Os leitores comentavam os artigos e também podiam "curtir" ou não comentários feitos nesses posts.

Durante cinco meses os pesquisadores acompanharam dois grupos. Em um deles, os comentários recebiam "curtidas" (voto positivo) ou "reprovações" (voto negativo) aleatórias assim que eram publicados. Em outro, o grupo de controle, os pesquisadores do MIT não fizeram nenhuma intervenção nos comentários publicados.

Para refletir a tendência de um número maior de avaliações positivas nos comentários, os pesquisadores fizeram o dobro de "curtidas" nos comentários do que "reprovações".

Curtir o "curtido"
A primeira pessoa que lê o comentário já avaliado como positivo por outro usuário, indica o estudo, tem uma chance 32% maior de também curtir aquele conteúdo. No caso dos votos negativos, não houve mudança no comportamento das pessoas.

Ao final da pesquisa, os comentários que foram falsamente curtidos pelos pesquisadores tiveram avaliações 25% mais altas que aqueles no grupo de controle.

Já os comentários que receberam votos negativos inicialmente termiraram com avaliações indistinguíveis daqueles do grupo de controle.

Os pesquisadores observaram também que amigos tinham a tendência de corrigir votos negativos (dados aleatoriamente na pesquisa e sem relação com o teor do conteúdo do artigo publicado). Enquanto isso, os "inimigos" não manifestaram para contradizer a votação falsa.

Ampliar





Fonte: Uol

 
Indique esta not韈ia Indique esta not韈ia para um amigo

In韈io Not韈ias  | Voltar