Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

PRISM: EUA SÃO TÃO RUINS QUANTO A RÚSSIA COMUNISTA, DIZ WOZNIAK

19/06/2013

 

 
 
 

O cofundador da Apple, Steve Wozniak, está com uma opinião muito ruim sobre os EUA no momento. Na opinião dele, o país não é melhor do que o que lhe ensinaram sobre a Rússia quando era jovem.

“Quando estava crescendo me ensinaram que a Rússia comunista era aquela que ia atrás da gente e bombardeava nosso país, e que eles eram ruins porque perseguiam seus cidadãos, prendiam-nos, os colocavam em prisões secretas, desapareciam com eles, esses tipos de coisas”, disse em entrevista ao site FayerWayer. “Nós (EUA) estamos ficando cada vez mais assim.”

Os jornalistas do site em questão encontraram Woz no aeroporto quando estavam voltando da WWDC 2013 e perguntaram a ele o que achava das últimas revelações sobre o programa de vigilância Prism, da NSA (Agência Nacional de Segurança dos EUA).

Depois, Wozniak continuou: “Existem leis que dizem que podemos meio que chamar secretamente qualquer coisa de terrorismo, e fazer o que quisermos.”

Prism

Recentemente, os jornais The Guardian e Washington Post revelaram que grandes empresas de tecnologia estavam compartilhando indiscriminadamente os dados de consumidores com a NSA por meio de um programa chamado Prism, que daria à NSA “acesso direto” aos servidores dessas companhias.

Apple nega envolvimento

Em uma carta aberta publicada no fim de semana, a Apple negou qualquer envolvimento no Prism e disse que ouviu falar no programa pela primeira vez quando foi questionada sobre o assunto.

No entanto, a empresa de Cupertino admitiu ter recebido entre 4 mil e 5 mil solicitações de dados de usuários por instituições do país entre dezembro de 2012 e maio deste ano.
 
 
 
Fonte: MacworldBrasil

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar