Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

LIBERTY RESERVE É INDICIADO PELA LAVAGEM DE 6 BILHÕES DE DÓLARES

31/05/2013

O Departamento de Justiça dos EUA (DOJ) indiciou o processador de pagamentos online “Liberty Reserve” pela lavagem de 6 bilhões de dólares em uma série de transações globais, que a agência diz poder ser a maior acusação de lavagem de dinheiro internacional da história.

"O Liberty Reserve foi intencionalmente criado e estruturado para facilitar a atividade criminal. Era essencialmente um banco do mercado negro", disse Preet Bharara, advogado dos EUA para o Tribunal do Distrito Sul de Nova York, em uma conferência de imprensa na terça-feira (28). "Como alegado, ele deliberadamente operava de forma a atrair e ajudar os criminosos que desejassem usar a moeda digital para violar a lei e fazer lavagem dos rendimentos de seus crimes”.

O fundador do Liberty Reserve, Arthur Budovsky, foi preso em Brooklyn, Nova York, na sexta-feira (24), por operar um negócio de transmissão de dinheiro sem licença, juntamente a seis outros diretores da empresa que foram presos no Brooklyn, na Espanha e na Costa Rica.

O DOJ fechou o serviço Liberty Reserve, apreendendo 25 milhões de dólares em fundos. A agência de aplicação da lei também apreendeu cinco nomes de domínios da Internet, incluindo LibertyReserve.com, e quatro sites de câmbio relacionados. O site LibertyReserve.com ficou offline na quinta-feira (29), com o tráfego primeiro sendo redirecionado para um banner do DOJ na terça-feira. 

Além disso, 45 contas bancárias foram contidas ou apreendidas e uma ação civil pública foi ajuizada contra 35 sites de troca de terceiros que operavam em nome do Liberty Reserve.
 
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar